O provável ajuste nos estoques.

Além disso,  creio que precisamos considerar  a necessidade de ajuste nos estoques, já que havia uma expectativa menor de crescimento do PIB por parte da maioria dos agentes econômicos.

Caso o ritmo de crescimento do PIB se mantenha acima de 1% em relação ao trimestre anterior, certamente haverá necessidade de aumento dos estoques para atender o aumento da demanda, consolidando o círculo virtuoso de crescimento do PIB no Brasil.

Creio que caso seja necessário, melhor seria vender parte das Reservas cambiais no mercado à vista, para garantir uma correção gradual da taxa de câmbio, e  interromper o atual processo de aumento dos juros da Selic.

Além do aumento da produção de petróleo e gás, nos próximos anos entrarão em operação as novas refinarias da Petrobras, o que que reduzir significativamente a necessidade de importações de petróleo e derivados, contribuindo para o equilíbrio das contas correntes.

Para os próximos trimestres teremos o aumento da demanda da economia americana, a substituição de parte das importações, e o aumento da produção de petróleo e derivados, além do maior impacto da redução do custo da energia elétrica, da desoneração da folha de pagamento e da redução do spread bancário.

Creio que na medida em vão vencendo os financiamentos antigos, haverá um aumento de poder compra com os novos financiamentos com juros menores, o que certamente vai provocar um aumento da demanda interna.

Nenhum voto

Postar novo Comentário

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.
CAPTCHA de imagem
Digite os caracteres exibidos na imagem acima.