Senso de urgência: conter o consumo de eletricidade no país

Autor: 

Do Blog Infopetro

Por Renato Queiroz

O Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) acendeu uma luz vermelha ao divulgar em 17 de outubro passado que a situação dos reservatórios da Região Sudeste continuava se deteriorando e as previsões eram pessimistas. De fato o PMO referente à semana de 25 a 31 de outubro de 2014 apontou para uma piora na previsão de vazões. O ONS em seu programa mensal de operação eletroenergética (PMO) publicado semanalmente faz projeções, entre outras, dos volumes das chuvas nas regiões do Brasil. A previsão das vazões afluentes aos reservatórios em base mensal e semanal é uma atividade básica no planejamento da operação energética em um sistema predominantemente hidroelétrico como o brasileiro.

O Sudeste, que responde por cerca de 70% do armazenamento de água nas usinas hidrelétricas brasileiras, tinha como projeção chegar ao final de outubro com 19 % de armazenamento. O informe do ONS ainda apontava que, em outubro, as chuvas das regiões Sudeste e Centro-Oeste não deveriam atingir a 70 % da média histórica. Como a situação prevista para outubro foi pior, a expectativa do nível dos reservatórios para o final de novembro, cai para 15,8% no Sudeste. Leia mais »

Pronto Socorro de Lata

Autor: 

A semana que passou foi marcada por assombrosas revelações da Secretaria Municipal de Saude de São Paulo. Dessas revelações que nos fazem retornar ao tempo quando então, durante a administração de Celso Pitta, foram construídas escolas de lata na cidade de São Paulo. Tema utilizado em campanhas eleitorais onde um queria comprometer o outro pela responsabilidade neste quesito. José Serra dizia que as escolas de lata teriam sido implantadas pela prefeita Marta Suplicy, que na verdade foi a responsável pelo inicio da extinção dessas malfadadas invenções da administração de Celso Pitta. Leia mais »

A melhor maneira de entrar em forma

Ficar em forma não é tão difícil quanto parece. Se você tentou vários métodos de perda de peso e não conseguir bons resultados, é hora de adotar um estilo de vida mais saudável. Vá até o seguinte artigo para saber mais sobre a melhor maneira de entrar em forma. 

Você pode obter grandes resultados sem o uso de pílulas de emagrecimento, como o Goji Pro, a contagem de calorias ou após programas de perda de peso. Desenvolver seu próprio método de perda de peso e com foco na adoção de hábitos saudáveis é realmente a melhor maneira de perder peso. Você deve pensar a longo prazo e dar-se tempo suficiente para se acostumar com seus novos hábitos. Não espere chegar a um peso ideal em menos de seis meses, mas tenha em mente que transformar seu estilo de vida irá ajudá-lo a viver mais tempo e evitar problemas de saúde.  Leia mais »

A revolução energética nos EUA e a geopolítica do petróleo

Autor: 

Do Blog Infopetro

Por Juliana Queiroz

Que os Estados Unidos estão vivendo uma revolução energética não é novidade para ninguém. Mas o que permanece uma incógnita é quanto tempo essa abundância de hidrocarbonetos vai durar e quais as consequências dela para a política externa norte-americana. Leia mais »

Bonni e Clyde

A FUGA

Eleição: servidores defendem políticas sociais

Autor: 

Servidores federais protocolaram carta pedindo aos candidatos à Presidência da República para assumirem compromissos relacionados às políticas sociais e defendem que avanços nos atuais programas continuem sendo prioridade. 

*************


Excelentíssima Candidata Dilma Rousseff, Excelentíssimo Candidato Aécio Neves, Leia mais »

Maquinaria Subversiva - MC Berro D’Água

Autor: 


Maquinária Subversiva


Leia mais »

Crônica do atraso e da corrupção

 

O texto a seguir, endereçado à redação de um grande jornal, foi encontrado ao lado do corpo do indígena Xindäpywie Tunuma, da aldeia Txandakra, alvejado com sete tiros, provavelmente por pistoleiros a mando de Severino Rocha, dono da Fazenda Jesus me Deu:

Crônica do atraso e da corrupção

  Leia mais »

PF e MP não precisam de "autorizaçao" dos poderosos...

Autor: 

 

            As recentes e "estarrecedoras" revelações sobre gravíssimas irregularidades ocorridas na Petrobras provocaram reações inusitadas na Presidência da República. No mesmo dia em que os depoimentos do ex-diretor da Petrobras, Paulo Roberto Costa, e do doleiro Alberto Youssef eram divulgados (quinta-feira, 9), a presidente Dilma disse, inicialmente,  que a divulgação que repercutiu na mídia como um "golpe". Leia mais »

A ESCOLHA PODE SER SUA

Em artigo publicado no Globo essa semana, intitulado A Era da Vulnerabilidade”, Joseph E. Stiglitz, prêmio nobel de economia, desmascara o mito da ascensão social nos Estados Unidos - ainda o maior representante do Capitalismo Financeiro da atualidade. E, como ultimamente a questão do dito baixo crescimento do PIB tem andado na boca da oposição por aqui, acho interessante registrar a conclusão de seu texto:

 

“Independentemente da rapidez com que o PIB avança, um sistema econômico que não consegue ganhos para a maioria dos cidadãos, e no qual uma parcela crescente da população enfrenta cada vez mais insegurança, é um sistema econômico falido. E são falidas políticas, como a de austeridade, que aumentam a insegurança e baixam a renda e o padrão de vida de grande parte da população.”

  Leia mais »

Principais elementos divergentes entre Dilma e Aécio.

Aprendi que uma boa educação é absolutamente indispensável para que possamos a pensar, questionar, respeitar o outro, se situar no tempo e no espaço, de sermos capazes de ver o todo; as diversas partes que estão em jogo e a se exprimir com clareza e fazer análises lúcidas. Posso não ser tudo isso, pelo menos, eu tento. Talvez, exatamente por isso, abomino postagens políticas irrefletidas, em nível de senso comum, com baixarias e palavras de ataques ao outro, como se fossem donos da verdade absoluta. Leia mais »

PRÉ-SAL OU ETANOL !?

O senhor de engenho nos quer cortando cana. Muito me surpreende Marina defendendo etanol em detrimento do pré-sal. Ambas as políticas energéticas são complementares, nossos veículos são flex, as nossas termo-elétricas são movidas a gás natural e bagaço de cana, mas só o petróleo destinará dividendos à educação e saúde. Usineiro, uma hora está com o etanol em outra vai para o açúcar, não quer se comprometer com uma política energética de Estado. Uma política efetiva para o setor deveria criar uma estatal, "ETANOLBRAS", ou uma subsidiária da nossa petroleira, PETROBRAS, o que não pode é continuar na mão de usineiros que só querem créditos e mais créditos e pouco investem em pesquisas para o etanol de 4ª geração, além de quererem se expandir para a Amazônia e Pantanal. Querem sempre mais terras. São latifundiários incorrigíveis. Isso Marina Silva não fala e nem combate.

Sucesso da Missão Espacial alavanca campanha “Make in India”

 

           O primeiro-ministro da Índia, Shri Narendra Modi, comemora o sucesso da Missão Espacial Mars Orbiter, que posicionou a sonda Mangalyaan na órbita do planeta vermelho, a um custo extremamente inferior ao da nave Maven da NASA. A Índia tornou-se o primeiro país da Ásia a ter sucesso em sua primeira tentativa de enviar uma nave espacial a Marte, o que deu um expressivo impulso para consolidar seu status de "potência tecnológica". Leia mais »

Aprovada moção para criação de Curso de Medicina na Unifesp

              A Câmara Municipal de Osasco aprovou moção de apoio do  Legislativo Municipal, para que seja criado na cidade Curso de Medicina gratuito, no campus da Universidade Federal de Osasco. A moção, proposta pelo vereador André Sacco (PSDB),foi aprovada na sessão de 2 de outubro.

             O vereador André Sacco (PSDB) criticou forma como foi divulgada a assinatura de convenio pela Prefeitura de Osasco para autorizar o funcionamento de um curso de Medicina na cidade "às vésperas" das eleições. "Houve atraso de mais de sete anos na definição das regras do programa, e a instalação do curso ainda levará alguns anos, se houver interesse de instituições privadas de ensino em atender a todos os requisitos exigidos, que não são poucos".
Leia mais »

Imagens: 
Aprovada moção para criação de Curso de Medicina na Unifesp