Humor, ressentimento e o gerúndio

Autor: 

O que há de errado por aqui?

Um humor que se compraz no ressentimento e um ressentimento tentando ser humorado

Passamos a nos divertir com a desgraça alheia

Damos risada quando era para chorar e choramos quando, propositalmente, fomos nós a derramar o leite

Foram muitos os casos

Campanha presidencial, Mayara, questões raciais, regionais e de gênero, gente diferenciada, elite cheirosa, CQC, o cancêr de Lula

Violência

Verso e reverso

Descobrimos, preconceituosamente, o preconceito

Abrimos mão do cômico

E optamos pelo trágico? Não, não foi isto

A tragédia traria, ao menos, a redenção

No lugar do ressentimento

Chegamos assim a três gerúndios 

Aplicados com correção

1. Estamos optando pela farsa

Se conhecêssemos a história constataríamos

2. Que esta não vem se mostrando a melhor escolha

O humor e a tragédia devem conter Leia mais »

O convênio de 2,97 milhões USP / Prefeitura

Autor: 

Custou mais consegui encontrar. O convênio apontado pelo Metro tem a assinatura de Rodas...

A "parceria com a Universidade se expressa pela pluralidade de pensamentos e opiniões dentro da própria Instituição"  e, o Magnífico Reitor esqueceu de acrescentar, renega as audiências públicas previstas no Estatuto da Cidade. 

O assunto é sério. O Plano Diretor levou décadas para ser aprovado. Kassab quer enterra-lo e para isto se cerca de vozes "credenciadas". A USP e o Instituto de Engenharia (aonde foi lançado o projeto dia 30 Veja aqui). Tudo isto, à revelia da lei.

  Leia mais »

A Prefeitura quer enterrar o Plano Diretor Estratégico?

Autor: 

Uma notícia postada hoje no blog me deixou intrigado. Nela o secretário do Desenvolvimento Urbano, Miguel Bucalem, apresenta um Plano Estratégico para a cidade, Conforme suas palavras,  o trabalho teria sido desenvolvido com a ajuda de 300 especialistas. Leia mais »

As contradições na USP ou A crônica de uma crise anunciada

Autor: 

O episódio acontecido ontem na USP revela problemas que ultrapassam a questão universitária. É uma crônica anunciada que esbarra, com extraordinária frequência, na questão da diluída fronteira existente entre o ilegal e o tolerado no país. Na dúvida, protelamos a resolução. O que nos leva a viver de crise em crise, com todas as decorrências autoritárias geradas pela falta de um princípio estabelecido através do diálogo entre as partes envolvidas. Leia mais »

Os 45 anos da Frente Ampla de Lacerda

45 anos se passaram. Foi a última tentativa, frustada, de Carlos Lacerda em direção à presidência. Seria cassado dois anos depois. Curiosamente, em 1971, é fundada a Frente Amplio no Uruguai. Em 2004, Tabaré Vázques é eleito presidente pela coalisão uruguaia. Abaixo um resumo dos acontecimentos e a íntegra do Manifesto brasileiro.

http://cpdoc.fgv.br/producao/dossies/Jango/artigos/Exilio/Articulacao_da_oposicao

Exílio no Uruguai > Articulação da oposição: a Frente Ampla

Articulação da oposição: a Frente Ampla Leia mais »

A Comissão da Verdade e a (In)justiça

Autor: 

 

A Justiça  brasileira é diariamente criticada por todo o campo chamado de esquerda. O problema é que a maior parte desta não consegue estabelecer uma relação entre a Comissão da Verdade e uma noção realmente séria de Justiça. 

Terá sido um erro o, nome escolhido, de Comissão da Verdade? É como se disséssemos que nos importa, somente, restabelecer a verdade. Não será cobrada, de ninguém, a responsabilidade. A (in)justiça e a patética anistia, concedida em um momento de notória e cabal exceção, não serão questionadas. Podendo concluir disto que a nossa noção de (in)justiça permanecerá como sempre foi. Aguardo, ansiosamente, o parecer da Corte Interamericana de Direitos Humanos à respeito desta decisão. Corte esta a que o Brasil, soberanamente neste caso, aderiu. Leia mais »

Vamos alimentar a população faminta!!!

 

 

Uma notícia bem fresquinha, da Câmara, sobre a compra de terra por grupos estrangeiros. Estão elaborando a lei e ainda não sabem quanta terra eles possuem. Não deveriam começar por aí? Na certa aparecerá alguém dizendo que esta preocupação é coisa de ecologistas chatos... O agronegócio só quer atrair capital para o país e alimentar a população faminta, não é?

Link da Câmara dos Deputados.

17/10/2011 11:08

  Leia mais »

O rentável negócio da intolerância

DsHs são para bandido?

Autor: 

O velho bordão "direitos humanos são para bandido" parece agradar a todos.

Nas manifestações, sempre as mesmas (poucas) pessoas...

Se os DsHs no Brasil não vão para frente, porque nos assustamos com a violência cotidiana?

As "pequenas" violências cotidianas, tão criticadas, não desaparecerão enquanto não reescrevermos a nossa história.   

Triste! Deveríamos ter vergonha! 

DIREITOS HUMANOS Leia mais »

Mia Couto e o medo

Moçambique tem Mia Couto. Nós Merval Pereira na ABL e, mais triste, no lugar de Moacyr Scliar... 

Vídeos: 
Veja o vídeo

Os Partidos Piratas na Europa

A Justiça Restaurativa merece ser debatida

 

Um sábado e um domingo "intolerantes" esquentaram o debate.

Que tal sairmos do particular de cada caso de intolerância, nas suas várias formas de manifestação, e discutirmos uma opção bem mais interessante que a perspectiva  penal e prisional atual?  

A Justiça restaurativa é uma opção muito melhor do que o aumento da população carcerária (modelo americano) e a aplicação (mesmo que universal) do atual Direito Penal brasileiro.

"Não temos que fazer do Direito Penal algo melhor, mas sim que fazer algo melhor do que o Direito Penal..."
Gustav Radbruch
Leia mais »

Star Wars ou La invención de Morel ?

 

Ontem à tarde li a notícia, sobre a descoberta da Nasa, em vários sites. Todas tem um texto muito próximo e vendem o peixe ofertado pelo release da Nasa: O mundo recém descoberto foi “imaginado”, há trinta anos atrás, no filme Guerra nas Estrelas.

Que a Nasa venda este peixe, é de se esperar. Que nós o compremos sem titubear, é uma lástima. O planeta descoberto foi imaginado muito antes. Para ser exato em 1940 pelo, então jovem, autor  Adolfo Bioy Casares  no livro “A Invenção de Morel”.

Neste e em outros casos a nossa imprensa, há tempos, não informa:  Apenas traduz.

.............................................................................................................................................  Leia mais »

Por que a Líbia?

Curioso com os motivos que levam a OTAN a patrocinar a “democracia” na Líbia, resolvi me informar melhor sobre a situação dos países vizinhos. O resultado está abaixo. A pergunta que fica, sem dúvida, é: Por que a Líbia?

 

 

IDH 2010 PNUD Leia mais »