Amizade líquida via facebook

A interconexão através das redes sociais interfere significativamente nos aspectos da vida social e pessoal dos indivíduos, produz novos modelos de pensamentos, de atitudes e de convivência. O que está em jogo é uma transformação radical no modo em que as relações humanas se configuram. Essas mudanças já passam a ser sentidas em vários contextos da vida cotidiana. O grande “palco” da vida passou ser o mundo virtual. Estar conectado tornou-se mais do que simples necessidade - transformou-se em obsessão. Leia mais »

Para pensarmos sobre as drogas e a banalidade do vício

Imagem: Folha da Região de Araçatuba

Leia mais »

Tolerância zero para a corrupção, por Luiz Claudio Tonchis

No Brasil, a política funciona segundo os preceitos de uma ética pervertida, antirrepublicana e antidemocrática e que tende a valorizar a ações dos detentores ocasionais do poder, e não os interesses mais amplos da sociedade. É a contradição de sua natureza normativa: a justiça e o bem comum. Cinismo é a palavra certa para expressar o comportamento da maioria expressiva dos políticos brasileiros, que num sentido moral, é uma atitude que consiste no desprezo irônico, um deboche à ingenuidade dos cidadãos brasileiros. Leia mais »

O horror da barbárie coletiva

As pessoas de bem se mostram sensibilizadas, chocadas e se solidarizam com as duas adolescentes vítimas de estupro coletivo que ocorreram recentemente: uma, no Rio de Janeiro, violada por mais de 30 homens, e outra, em Bom Jesus, no Piauí, atacada por pelo menos 4 homens. Em um dos casos, os algozes, por simples sadismo, caracterizado pela negação de suas consciências e pela satisfação pelo crime praticado exibem como troféu as imagens e vídeos de suas vítimas nas redes sociais. O caráter exibicionista do estupro revela a sua face cruel, a barbárie, o Big Brother do terror: a exposição social das vítimas do crime. Leia mais »

Discurso pornográfico tenta violentar a educação

É óbvio que não tem nada de mais que o truculento e desagradável “ator” de filmes de sexo explícito Alexandre Frota queira apresentar propostas para a Educação de nosso país. No entanto, soa muito estranho que o polêmico “Bady Boy” seja recebido pelo Ministro da Educação, Mendonça Filho (DEM), na última quarta-feira (25/04), como se a celebridade na área da pornografia fosse, também, uma referência na área educacional. Leia mais »

Bem-Estar e Angústia, por Luiz Claudio Tonchis

A vida é movida pelas forças contrárias: é na derrota em que vislumbramos o sabor da vitória, é pela tristeza que sabemos valorizar a alegria, é pela doença que damos crédito à saúde... Este é o curso natural da vida: só reconhecemos um determinado valor quando abalados por seu oposto. E ainda somos afetados pelas circunstâncias do meio e pelos diversos contextos que produzem uma inexorável bipolaridade, que oscila entre estes dois extremos: o bem-estar e a angústia. Leia mais »

A construção da consciência política e a mídia

"O homem é a medida de todas as coisas, das coisas que são, enquanto são, das coisas que não são, enquanto não são." Esta frase do filósofo sofista Protágoras (séc. V a.C.) é fundamentada na hipótese do incessante fluir da realidade, que implica em que a compreensão pode ser alterada de acordo com as circunstâncias mutáveis da percepção humana. Além disso, o homem pode criar e recriar os valores e o significado da realidade, criando a sua própria “verdade”. Leia mais »

Transtornos Psicológicos Afastam Professores da Sala de Aula

A Educação, sob o ponto de vista individual e pessoal, é a formação e o aperfeiçoamento do ser humano. Sob o ponto de vista social, é a integração das novas gerações na sociedade, isto é, a transmissão às novas gerações, pelas gerações adultas, da herança social. Educar é formar a pessoa de acordo com um ideal de perfeição. Assim, consideremos como sendo a Educação o processo de edificação intelectual e afetiva, ou seja, a assimilação dos hábitos e valores que favorecem uma formação social que visam o Bem comum. Leia mais »

Microcefalia e Aborto: questões, morais, éticas e religiosas

A epidemia do Zika vírus, o qual é suspeito de ter relação com os casos de microcefalia, reacende o debate sobre uma questão polêmica - a legalização do aborto. A comissão responsável pelos Direitos Humanos da Organização das Nações Unidas (ONU) recomenda que os países atingidos pelo vírus permitam legalmente o acesso voluntário de mulheres ao aborto. O Brasil, um dos mais afetados pela epidemia, a interrupção da gravidez é proibida, com exceção em casos de estupro, risco de vida para a mãe e em casos de feto anencefálico. Leia mais »

A Semente da Corrupção

A Verdade nas Redes Sociais

A Opinião e a Maldade

Para Que Serve a Ética?

A palavra “ética” é fácil de ser dita, mas difícil de ser praticada e compreendida. Sempre a exigimos quanto às atitudes de alguém, e cheios de empáfia reclamamos a sua falta em vários contextos da vida em sociedade, como por exemplo, na política, na religião ou nos relacionamentos interpessoais. O primeiro grande problema da ética é que ela tende a ser sempre terceirizada, ou seja, o problema da falta de ética é sempre problema do outro. Eu? Não! Eu sempre faço a minha parte... É muito comum as pessoas se excluírem quando se trata de uma reflexão ética. Leia mais »