Garrafa portátil deixa a água do mar potável

Quatro estudantes da Universidade de Yonsei, na Coreia do Sul, criaram uma garrafa especial que deixa a água do mar própria para consumo. Batizado de Puri, o recipiente concorre a um prêmio por contar com uma tecnologia que elimina o sal e outras propriedades das amostras do líquido.
 
Os nomes dos criadores da garrafa são bem difíceis: Younsun Kim, Kangkyung Lee, Byungsoo Kim e Minji Kim – mas o sistema desenvolvido é bem fácil de ser utilizado: de acordo com os criadores da Puri, o usuário só precisa bombear um dispositivo e direcionar a água salgada para a câmara de filtragem da garrafa, responsável pela pressurização. Por meio do processo, o líquido é dessalinizado e enviado a uma câmara interna de armazenamento de água potável.

De acordo com o grupo de estudantes, a garrafa foi criada com a intenção de ser instalada nas embarcações, garantindo o acesso à água potável em situações de risco, como naufrágios, incêndios e outros acidentes em alto mar. Leia mais »

Imagens: 
Puri

Taxonomia dos ratos por João Sayad

João Sayad deixou a TV Cultura e entrou Marcos Mendonça, um pouco depois de anunciada sua saída ele escreveu um texto para a Folha de São Paulo no dia 06 de maio de 2013.

Na época pensou-se se tratar somente da TV Cultura, mas Sayad, pelo que sabemos hoje, estava como Nostradamus sendo profético e está tudo lá de forma subliminar.

leiam e atentem as palavras e números:

"Taxonomia dos ratos" por João Sayad.

Se é impossível resolver, classificamos: o taxonomista é, antes de tudo, um resignado; convido a iniciar uma taxonomia da corrupção

Face a problemas insuperáveis, a ciência classifica.

Médicos classificam tumores em benignos, malignos, perversos ou dóceis. Zoólogos falam de baratas pretas, marrons, voadoras, cascudas ou molengas; ratos de rabo longo, camundongos, ratazanas, roedores urbanos e rurais. O método se chama taxonomia.

Se é impossível resolver, extinguir ou explicar, classificamos. O taxonomista é, antes de tudo, um resignado.

Convido o leitor a iniciar uma taxonomia da corrupção. Leia mais »

Enquanto isto lá no TCU...

Acabei de ler e ouvir, mas ainda não creio em meus ouvidos:

 

Palavras do ministro José Jorge do TCU: Leia mais »

You are missing some Flash content that should appear here! Perhaps your browser cannot display it, or maybe it did not initialize correctly.

Os infiltrados - O PSDB dentro dos governos Lula-Dilma

A muito tempo tenho um pé atrás com os escalões menores do governo e esta reportagem-denúncia de Conceição Lemes desnuda a minha teoria em verdade.

Roberto Messias vs. Henrique Pizzolato: Uma visita aos bastidores dos governos Lula e Dilma

Por Conceição Lemes

Em recente entrevista com a ministra-chefe da Secretaria de Comunicação da Presidência da República (Secom-PR), a jornalista Helena Chagas, perguntei:

No julgamento do chamado mensalão, o STF julgou irregular, crime, o BV (Bonificação por Volume) da Visanet. Embora já esteja demonstrado que o dinheiro é privado e não público, Henrique Pizzolato corre o risco de ir para a cadeia. Em função dessa decisão, a Secom vai buscar de volta o dinheiro do BV da Globo?

Mal acabara de dizer Pizzolato corre o risco de ir para a cadeia, Roberto Messias, também presente, me cortou: Leia mais »

A lei que pune as empresas corruptas sancionada por Dilma

Dilma sanciona com três vetos lei que pune empresas por corrupçãoSegundo chefe da CGU, Jorge Hage, cortes deixam nova lei mais rigorosa.
Texto permite multas de até 20% do faturamento da empresa que corrompe.

Priscilla Mendes Do G1, em Brasília

O ministro da Controladoria-Geral da União (CGU), Jorge Hage, afirmou nesta quinta-feira (1º) que a presidente Dilma Rousseff sancionou com três vetos a lei que pune empresas por atos de corrupção.  O texto será publicado nesta sexta-feira (2) no “Diário Oficial da União”, segundo o ministro.

A nova lei amplia as condutas puníveis praticadas por pessoas jurídicas e empresas por atos de corrupção cometidos contra a União. Na esfera administrativa, o texto prevê aplicação de multa de até 20% do faturamento bruto da empresa ou até R$ 60 milhões, quando não for possível esse cálculo. Leia mais »

O "Armário de Ferro" de Luís XVI

Esta é uma história muito pertinente nestes dias que vivemos...

  Leia mais »

O leitor que processou o blogueiro por ofensas recebidas

Boa tarde ao blogueiro e comentaristas.

Não é de hoje que o comportamento do jornalista Augusto Nunes atinge a pessoas e comentaristas, mas a justiça está ai para proteger que se sente lesado.

Em 16 /09 de 2009, no blog de Augusto Nunes, fiz o seguinte comentário em um post chamado “O Brasil conseguiu ficar mais jeca”.

Segue o meu comentário e a ácida resposta do jornalista:

Alberto Porém Jr. 16/09/2009 às 15:05

“Sem parentesco com o que o governo inventou, o país real não mudou. Só conseguiu tornar-se ainda mais metido a esperto, mais grosseiro, mais caipira, mais jeca. Toda nação acaba ficando parecida com quem a governa.” Leia mais »

Sobre uma resposta de Augusto Nunes a um comentarista

Boa tarde ao blogueiro e comentaristas.

Não é de hoje que o comportamento do jornalista Augusto Nunes atinge a pessoas e comentaristas, mas a justiça está ai para proteger que se sente lesado.

Em 16 /09 de 2009, no blog de Augusto Nunes, fiz o seguinte comentário em um post chamado “O Brasil conseguiu ficar mais jeca”.

Segue o meu comentário e a ácida resposta do jornalista:

Alberto Porém Jr. 16/09/2009 às 15:05

“Sem parentesco com o que o governo inventou, o país real não mudou. Só conseguiu tornar-se ainda mais metido a esperto, mais grosseiro, mais caipira, mais jeca. Toda nação acaba ficando parecida com quem a governa.” Leia mais »

Polícia ataca a imprensa em São Paulo ou Nero no séc. XXI

Não me lembro de ter assistido a vídeos em que as polícias ou mesmo exércitos em várias partes do mundo tenham atacado frontalmente jornalistas no exercício do trabalho de cobertura jornalísticas.Podemos notar neste vídeo que foi proposital a atitude dos policiais agrupados no centro da rua. Fazendo uma análise da situação nem mesmo os jornalistas que cobriam os acontecimentos acreditavam no que se sucederia. É um limite perigoso estabelecido pela polícia e pelo governo de São Paulo. Aqueles policiais não iam ameaçar, mirar  e atirar sem ordens superiores, isto é muito claro! Seria como pedir exoneração sumária da corporação. Mas o que fica no ar é, o que ganha o governo atacando a imprensa que tanto o defende? Para mim estamos tratando não com um governador mas sim com Nero ensandecido querendo botar fogo em Roma.

Vídeos: 
Veja o vídeo
Veja o vídeo

Gurgel segura o caso Roseana Sarney

Meus amigos boa noite.

O PG Roberto Gurgel desenvolveu a arte perigosa de segurar touro pelo chifre. Blindando-se de diversas formas está tornando insustentável sua posição na PGR. Novamente hoje o senador Fernando Collor voltou a pedir o indiciamento do mesmo em plenário do senado. Muito pressionado Gurgel já vociferou contra a PEC 37 e mistura alhos com bugalhos entre sua atuação no Caso Cachoeira e o julgamento da AP 470. Conseguiu segurar indicações no CNMP e manter um quórum favorável à sua conduta também. Um fato relevante que pode estar influindo no relatório final da CPMI do Cachoeira vem das mais altas esferas do Senado da República. O processo que pede a cassação da governadora Roseana Sarney está a mais de 100 dias esperando o parecer de Gurgel que ao que vemos "senta novamente" prevaricando agora em causa própria agora. As conclusões ficam por parte das vossas deduções . Leia mais »

Gurgel e a arte de segurar touro pelo chifre.

Meus amigos boa noite.

O PG Roberto Gurgel desenvolveu a arte perigosa de segurar touro pelo chifre. Blindando-se de diversas formas está tornando insustentável sua posição na PGR. Novamente hoje o senador Fernando Collor voltou a pedir o indiciamento do mesmo em plenário do senado. Muito pressionado Gurgel já vociferou contra a PEC 37 e mistura alhos com bugalhos entre sua atuação no Caso Cachoeira e o julgamento da AP 470. Conseguiu segurar indicações no CNMP e manter um quórum favorável à sua conduta também. Um fato relevante que pode estar influindo no relatório final da CPMI do Cachoeira vem das mais altas esferas do Senado da República. O processo que pede a cassação da governadora Roseana Sarney está a mais de 100 dias esperando o parecer de Gurgel que ao que vemos "senta novamente" prevaricando agora em causa própria agora. As conclusões ficam por parte das vossas deduções . Leia mais »

Dois bondes, duas medidas

Ocorreu na sábado à tarde por volta das 18:30 hs o descarrilhamento do bondinho que faz o percurso entre Pindamonhangaba e Campos do Jordão, como se vê a Folha do Domingo nem notícia trouxe de tal fato.

É tratado como se o fato quase nem fosse especial, olhem o que diz a Folha sem fotos e nem capa:

cotidiano em cima da hora (????!!! a que horas fecha o jornal?)

Bonde turístico descarrila e causa duas mortes em SP

DE SÃO PAULO - O descarrilamento de um bondinho turístico que faz o percurso entre Pindamonhangaba e Campos do Jordão (SP), na região do Vale do Paraíba, deixou ao menos duas pessoas mortas e 40 feridas na tarde de ontem.

O acidente aconteceu em um trecho de serra, no município de Santo Antônio do Pinhal, próximo ao km 32 da rodovia Floriano Rodrigues Pinheiro (SP-123). Leia mais »

Caso Valério: quem foi a fonte de Veja?

Está muito estranho as datas e não datas destes depoimentos, entrevistas e fax.

Procurando entre as várias reportagens sobre o assunto que saíram hoje pode-se fazer uma colagem interessante e verificar que realmente; "existe algo de podre no Reino da Vejalândia."

Revista Veja: Entrevista "bomba" saiu em 15 de Setembro de 2012, no sábado e já se tinha notícia da tal desde dia 13 de Setembro (blogs falam muito...).

Site Terra afirma com clareza que o fax para o STF foi enviado em 22 de Setembro de 2012, Sábado seguinte a entrevista "bomba", ou seja uma semana após. LINK

Fausto Macedo de O Estadão hoje traz sobre o depoimento sigiloso e encontramos diversas contradições justamente neste texto. Vamos lá:

1- Fausto diz " (...) prestou depoimento ao Ministério Público Federal no fim de setembro(...)" Leia mais »

Sobre fatos e datas

Está muito estranho as datas e não datas destes depoimentos, entrevistas e fax.

Procurando entre as várias reportagens sobre o assunto que saíram hoje pode-se fazer uma colagem interessante e verificar que realmente; "existe algo de podre no Reino da Vejalândia."

Revista Veja: Entrevista "bomba" saiu em 15 de Setembro de 2012, no sábado e já se tinha notícia da tal desde dia 13 de Setembro (blogs falam muito...).

Site Terra afirma com clareza que o fax para o STF foi enviado em 22 de Setembro de 2012, Sábado seguinte a entrevista "bomba", ou seja uma semana após. LINK

Fausto Macedo de O Estadão hoje traz sobre o depoimento sigiloso e encontramos diversas contradições justamente neste texto. Vamos lá:

1- Fausto diz " (...) prestou depoimento ao Ministério Público Federal no fim de setembro(...)" Leia mais »

Gurgel, Catanhêde e Merval: cabos eleitorais?

Neste dia 04 de Outubro a três dias dos pleitos muncipais os cabos eleitorais estão a todo vapor.

Roberto Gurgel, Eliane Catanhêde e Merval Pereira se enquadram com frases ditas hoje nos jornais de circulação nacional e na internet?

Roberto Gurgel: "As urnas dirão se houve alguma repercussão [do julgamento do mensalão nas eleições]. A meu ver, seria bom que houvesse, seria salutar", disse Roberto Gurgel. ( Folha de São Paulo -Caderno Poder- 04/10/2012 )

Eliane Catanhêde: "O grande aliado de Serra é o carismático Joaquim Barbosa desfiando os podres do PT e condenando a antiga cúpula partidária.(...) " ( ( Folha de São Paulo -Opinião- 04/10/2012 ) Leia mais »