Microsoft suportará padrão de documentos abertos

Por Marco Bócoli

Do IDG Now

MS Office 15 suportará padrão de documentos abertos ODF 1.2

Microsoft também irá suportar o ODF 1.2 na sua suíte de escritório na nuvem, Office 365

A Microsoft demonstrou suporte ao padrão Open Document Format (ODF) 1.2 - o formato de documento nativo do OpenOffice.org 3 e LibreOffice 3 - em uma apresentação da próxima suite de produtividade Office 15, e planeja lançar uma versão beta com o recurso nos próximos meses. A apresentação foi feita durante o Plugfest ODF, realizado em Bruxelas na semana passada.

O Plugfest, ou teste de interoperabilidade, foi organizado pela Sociedade OpenDoc, criada para promover o ODF no momento em que a Microsoft tentava tranformar o formato de documentoproprietário OOXML padrão ISO. O ODF 1.0 já havia sido adotado como um padrão internacional, ISO / IEC 26300, e uma variante do OOXML foi adotado mais tarde como ISO / IEC 29500. Leia mais »

Tecnologia contra fraudes na Receita Federal

Por Marco Antonio L.


Tecnologia ajuda a desvendar fraudes na Receita Federal


Da Agência Brasil, no Vermelho.org


A Receita Federal utiliza cada vez mais a tecnologia para preparar novas operações e coibir fraudes na declaração do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF). Este ano, só em abril, como resultado de cruzamento de dados, foram feitas operações de fiscalização no Paraná e no Distrito Federal.


De acordo com subsecretário de Fiscalização da Receita Federal, Caio Marcos Cândido, cada unidade da Receita no país tem procurado identificar, por meio dos sistemas informatizados, os tipos de fraudes para planejar as operações, que devem ser deflagradas ainda no primeiro semestre.


Leia mais »

O Brasilianas com o físico Sérgio Mascarenhas

Programa exibido pela TV Brasil no dia 26 de março, com o físico Sérgio Mascarenhas.

O livro eletrônico sobre organizações de trabalhadores

Por alfeu

Da Agência Brasil


Livro eletrônico reúne documentação sobre organizações de trabalhadores e sua resistência a regime de exceção


Paulo Virgilio
Brasília – Está disponível para consulta na internet, a partir de hoje (30), o livro Arquivo, Memória e Resistência dos Trabalhadores no Campo e na Cidade, lançado nesta sexta-feira, no salão nobre do Arquivo Nacional, no centro do Rio de Janeiro. Com versão apenas eletrônica, a obra pode ser acessada nos portais do Centro de Documentação e Memória Sindical da Central Única dos Trabalhadores (CUT), do Arquivo Nacional e do Centro de Referência Memórias Reveladas.


Leia mais »

Nova revisão da distribuição GNU/Linux juntaDados 3.04r3

Logo juntadadosNesta nova revisão da distribuição GNU/Linux juntaDados disponibilizamos as principais ferramentas para produção audiovisual voltada a atividades de Pontos de Cultura e ações de Inclusão Digital. Esta revisão traz muitas atualizações e correções trazendo novos recursos, melhoria de estabilidade, novas traduções e suporte a novos dispositivos e periféricos (Hardware) com a adoção do Kernel do Linux 3.2.9. Esta versão busca oferecer uma interface mais simples, amigável, rápida e atualizada voltada para as atividades dos Pontos de Cultura, ações de Inclusão Digital e afins.
Leia mais »

O fim da leitura

Por Assis Ribeiro

O fim da leitura?


Por Cassio Pantaleoni, no Debates Culturais


http://www.debatesculturais.com.br/o-fim-da-leitura/


Há um texto de Jorge Luis Borges, um de seus contos fantásticos, intitulado “Utopia de um homem que está cansado”, que julgo bastante apropriado para ilustrar algumas das engrenagens profundas que influenciam a nossa relação com a leitura. O conto relata o encontro inadvertido de um ancião com um homem que vive no além do futuro antevisto. Algumas das passagens do conto assombram pelo modo como profetizam o fim da leitura, naquele que é o sentido que pretendo abordar aqui.


A passagem do conto de Borges que vale o resgate diz respeito à interpretação que aquele homem do futuro efetua acerca do destino da leitura, especialmente aquela que se nutre do espírito niilista do nosso tempo (sobre isso, devo preparar em breve um artigo que se ocupará da interpretação do niilismo brasileiro). A personagem borgiana “relembra” um passado no qual “Tudo se lia para o esquecimento, porque em outras horas o apagariam outras trivialidades”.


Leia mais »

Sony vai expandir estratégia do PlayStation a outras áreas

Autor: 

 Sony vai expandir estratégia do PlayStation a outras áreas e combater custos

 

DA REUTERS, EM TÓQUIO

 

Kazuo Hirai, que se tornará executivo-chefe da Sony em breve, planeja reformular a empresa por meio de uma combinação de hardware e software via redes on-line, modelo que utilizou na divisão PlayStation. Ele descartou qualquer sugestão de que a empresa possa retornar a uma estratégia que privilegia apenas aparelhos eletrônicos.

 

Além disso, o executivo afirmou que concentrará esforços na redução de custos da unidade de televisores e tentará comprimir as despesas em outras áreas parar tirar a companhia do vermelho.

  Leia mais »

O Brasilianas.org sobre regulação da Internet

Programa exibido na última segunda-feira, 30, na TV Brasil. Recebemos Marcel Leonardi, diretor de políticas públicas do Google e professor da FGV-SP e Demi Getschko, engenheiro e diretor-presidente do Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br).

Leia mais »

Tablet xing-ling com função teletransportadora

Por wilson yoshio.blogspot

Da Revista Superinteressante / Abril

TECNOLOGIA: Os novos negócios da China

Smartphone por R$ 250? Tablet por R$ 280? Notebook por R$ 300? Sim, existe - é a nova geração de gadgets chineses. Conheça os eletrônicos com sérias restrições orçamentárias

por Bruno Garattoni 

Tudo é caro no Brasil. Mas em poucos produtos isso é tão chocante quanto nos eletrônicos, que aqui sempre custam de 70% a 300% a mais do que nos EUA. A explicação disso, você já sabe, está nos impostos envolvidos - principalmente de importação. Fabricar os aparelhos aqui também não resolve: a Samsung e a Motorola já produzem seus tablets no Brasil, mas eles continuam custando mais de R$ 1 600. Até o Kindle Fire, tablet de US$ 199 que a Amazon está lançando nos EUA, custaria pelo menos R$ 800 no Brasil. Não há escapatória, certo?

Os chineses discordam. Depois da onda dos celulares xing-ling, aqueles que traziam inovações como 2 chips e TV embutida e foram febre em 2009, eles estão de volta. São smartphones, tablets e até notebooks de menos de R$ 300 - incluindo imposto de importação e frete para o Brasil. Mas quão ruins (ou bons) eles podem ser? Qual é o truque? A única maneira de matar a curiosidade era também a mais óbvia: usar o meu próprio dinheiro para comprar um.

Leia mais »

Bill Gates fala sobre o novo perfil do mundo

Por wilson yoshio.blogspot

De O Globo

"O mundo está muito melhor hoje"

Criador da Microsoft recusa pessimismo causado pela crise, diz que se encontrou na filantropia e que Brasil deve ajudar países pobres

Deborah Berlinck

DAVOS, Suíça. No mar de pessimismo que se tornou o encontro anual do Fórum Econômico de Davos, com a crise europeia impregnando o ambiente, um homem esbanjava otimismo, e não somente porque na sua casa come-se muito hambúrguer e não há problema de dinheiro. Bill Gates — dono da segunda maior fortuna do planeta, estimada em US$ 57 bilhões — explica ao GLOBO porque entrou numa cruzada contra a pobreza. Aos 56 anos, o criador da Microsoft diz que se encontrou na filantropia, dedicando seu tempo integral à Fundação Bill e Melinda (sua mulher) Gates. Crise, fracasso do capitalismo? Não. Gates prefere a perspectiva histórica: "O mundo está muito melhor hoje", diz.

O senhor está há 11 anos fazendo filantropia. O que essa experiência lhe ensinou sobre ser pobre: o senhor, segundo homem mais rico do mundo, consegue hoje se colocar no lugar de um homem miserável?

BILL GATES: Não. Não acho que seja possível entender o quão difícil é quando você acorda todo dia e pode não ter bastante comida para a família; e sua criança morre de malária, seus medicamentos contra o HIV não estão disponíveis; e você tem que encarar a morte por causa disso. Não acho que alguém possa imaginar o quão duro é isso. Sei que se quer eliminar isso. Eu tenho sido tão sortudo que não posso imaginar. Tenho trabalhado em tempo integral para a minha fundação (Fundação Gates) nos últimos três anos. Quando criamos a fundação, há 11 anos, trabalhava em tempo parcial. Agora, a fundação é o meu foco total.

O que o fez decidir se dedicar totalmente à caridade?

GATES: Eu planejei com bastante antecedência. Foram quatro anos para fazer a transição. Falei com o comando da Microsoft, e falei publicamente anos antes de acontecer. E foi (uma decisão) simplesmente baseada no fato de que vi tanta necessidade de organizar e incentivar o trabalho em prol dos mais pobres, melhorando sua saúde, nutrição. Vi que a ciência não estava trabalhando em prol deles. Até (o combate à) malária não estava conseguindo quase nenhum dinheiro. As plantações agrícolas para os mais pobres não estavam conseguindo inovação. E aí vi que o tipo de habilidades que eu desenvolvi na Microsoft e $recursos que eu fui sortudo de ter se encaixavam… E assim isso virou minha segunda carreira.

Leia mais »

Microsoft perde mercado

Por foo

Do Gigaom

Mais da metade das vendas de computadores agora são tablets e smartphones

Uma notícia preocupante para a Microsoft, que chega atrasada ao mercado:

 

Além do crescimento dos dispositivos móveis, a Microsoft ainda tem que enfrentar a contração do mercado de PCs:

Da Agência Estado

Vendas lentas de PCs afetam Microsoft

Queda nas vendas de computadores reflete no Windows; empresa se volta aos poucos para tablets e celulares  Leia mais »

God save the "Imperador" Adriano!

Por Fuhgeddaboudit™

Do Globo Esporte

O tiro do Imperador

A empresa Next Media Animation, de Taiwan, saiu na frente da polícia carioca e divulgou uma animação de como Adriano teria dado um tiro na mão de uma mulher no seu carro no último final de semana.

O Imperador garante que estava sentado no banco da frente e que Adriene Cyrillo Pinto é quem apertou o gatilho, acertando a própria mão. Após uma perícia inicial, a polícia acredita que o tiro foi dado no banco de trás.

A Next Media Animation é especializada em fazer animações com situações polêmicas de celebridades mundiais, principalmente jogadores de futebol. Confira a versão deles para o caso Adriano:

 

EMC terá centro de pesquisas no Rio

Por alfeu

Da Agência Brasil

Líder mundial em armazenamento de dados fará centro de pesquisas no Rio

Alana Gandra
Repórter da Agência Brasil

Rio de Janeiro - Líder mundial em equipamentos e sistemas para armazenamento de dados, presente em mais de 80 países, a empresa EMC, dos Estados Unidos,  lançou hoje (8) a pedra fundamental do centro de pesquisas e desenvolvimento que irá construir no Parque Tecnológico da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), na Ilha do Fundão, na capital fluminense.

Leia mais »

Plataforma de Governo Aberto: código fonte disponibilizado

Foi disponibilizado o primeiro código fonte da Plataforma de Governo Aberto (Open Government Platform) - este projeto pretende provê código fonte aberto que possibilite a qualquer governo, local ou nacional, ou organização, criar um site de dados abertos. O primeiro conjunto de código é baseado no site americano data.gov [1]. A próxima contribuição de código será da Índia, e é baseado no equivalente indiano de site de dados abertos, india.gov.in[2].
 
Estados Unidos e Índia estão juntos em um "Dialogo Estratégico" para criar o que é chamado "data.gov-in-a-box" que provera uma plataforma pronta para que outros países implementem princípios de governo aberto e aumentem a transparência e responsabilidade.
 
Aneesh Chopra, Chefe de Tecnologia, disse[3] que "equipes dos governos dos Estados Unidos e Índia estão trabalhando juntos desde Agosto deste ano, com lançamentos planejados do produto de código fonte aberto para o inicio de 2012".
  Leia mais »