Mais de mil desabrigados no incêndio da favela no Campo Belo

Por Demarchi

Do iG

Incêndio destrói 285 barracos e deixa 1.140 desabrigados em São Paulo

Trinta viaturas dos bombeiros foram ao local combater o incêndio em favela no Campo Belo, na zona sul da capital. Pelo menos quatro pessoas foram atendidas pelas equipes de socorro 

Um incêndio de grandes proporções destruiu pelo menos 285 barracos de uma favela conhecida como "Morro do Piolho", no cruzamento das ruas Cristóvão Pereira e Xavier Gouveia, próximo a avenida Jornalista Roberto Marinho, na região do Campo Belo, na zona sul de São Paulo. Pelo menos quatro vítimas, duas com intoxicação, uma com fratura na perna e uma com queimaduras de 1º grau, foram atendidas e encaminhadas a hospitais da região.

Depoimento: 'Só estou com a roupa do corpo, minha filha e meu marido', diz moradora

  
   Morador deixa área incendiada de favela da zona sul de São Paulo, nesta segunda-feira

De acordo com levantamento da Defesa Civil municipal, 4,5 mil m² de 12 mil m² da favela foram atingidos pelo fogo. Pelo menos 285 moradias foram atingidas, deixando pelo menos 1.140 pessoas desabrigadas. O fogo foi controlado e no início da noite mais de 70 bombeiros trabalhavam no rescaldo do incêndio.

Segundo o Corpo de Bombeiros, acionado às 14h44, 30 viaturas, com mais de 90 agentes, foram deslocadas para o local. Moradores ajudaram os bombeiros com auxílio de mangueiras e baldes com água. A favela fica a cerca de três quilômetros do aeroporto de Congonhas que, segundo a Infraero, não sofreu consequências de operação em função da fumaça. 

   

   Renato S. Cerqueira/Futura Press    Moradores deixam barracos e observam as chamas que tomaram conta da favela, nesta segunda-feira, em São Paulo

As primeiras informações indicam que o fogo iniciou em um lixão, no centro da favela, e o  tempo quente e seco que atinge São Paulo deve ter contribuído para a propagação de chamas. A Defesa Civil municipal encaminhou a base móvel para a comunidade para dar apoio aos desabrigados. 

Segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), o cruzamento entre as ruas Cristóvão Pereira e Xavier Gouveia foi interditado para o trabalho dos bombeiros. Além das duas ruas, também foram bloqueados o acesso da avenida Washington Luis para a avenida Jornalista Roberto Marinho, bem como a própria avenida Jornalista Roberto Marinho, sentido Marginal Pinheiros, para o trabalho dos bombeiros.

A Polícia Militar acompanhou a ocorrência e o caso deve ser registrado no 5º Distrito Policial. Esse é o quinto incêndio em favelas da capital em 20 dias. Segundo os bombeiros, foram registrados pelo menos 32 incêndios em favelas no Estado de São Paulo neste ano. Em 2011, foram 79 incêndios. Em um balanço divulgado nesta segunda-feira, o Corpo de Bombeiros ainda computa 130 incêndios em 2008; 122 incêndios em 2009; e 91 em 2010.

Outro incêndio

Outro incêndio também foi registrado, por volta das 14h30 desta segunda-feira, pelo Corpo de Bombeiros na altura do número 456, na Vila Mariana. Segundo os bombeiros, as chamas destruíram parte de uma edificação comercial. Três viaturas foram enviadas para o local. Nenhuma pessoa ficou ferida.

Incêndios recentes em São Paulo:

Dia 28: Incêndio atinge barracos e moradores protestam em São Paulo 
Dia 23:  Incêndio destrói 95 moradias em deixa 600 pessoas desabrigadas em São Paulo 

Dia 18: Bombeiros e moradores controlam incêndio em favela da zona sul de SP 
Dia 17: Barracos pegam fogo em favela da zona oeste de São Paulo 
Dia 17: Incêndio atinge ferro-velho na zona norte de São Paulo


http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/sp/2012-09-03/incendio-atinge-favela-na-zona-sul-de-sao-paulo.html

Nenhum voto
52 comentários
imagem de Anarquista Lúcida
Anarquista Lúcida

Mais um! Se eu fosse insensível, poderia dizer que está ficando monótono... E foi ontem que o blog publicou que o Serra desarticulou os programas contra incêndios nas favelas de Sao Paulo, nao? Há intençao nesses incêndios, querem "limpar" a cidade dessa populaçao "indesejável" (antes que me joguem pedras, notem as aspas...), abrir o caminho para a indústria imobiliária. 

 
 
imagem de jura
jura

Remoções forçadas em tempos de novo ciclo econômico

Confiram abaixo artigo meu publicado semana passada pela Agência Carta Maior.

Remoções forçadas em tempos de novo ciclo econômico

A política habitacional atual é concebida como elemento de dinamização econômica para enfrentar uma possível crise e gerar empregos, sem qualquer articulação com uma política de ordenamento territorial e fundiária que lhe dê suporte, especialmente no que se refere à disponibilização de terra urbanizada para produção de moradia popular. Por outro lado, grandes projetos em curso abrem frentes de expansão imobiliária e atração de investimentos, flexibilizando e excepcionalizando normas e leis. O artigo é de Raquel Rolnik.

"Do ponto de vista político, os mesmos partidos que, como oposição ao regime militar, lideraram experimentações locais de gestão democrática em governos populares, nas décadas de 1980 e 1990, compõem hoje uma coalizão em âmbito federal, com lideranças que emergiram do movimento sindical, exercendo uma nova hegemonia no establishment político e influenciando enormemente a agenda do desenvolvimento. O modelo de “integração pelo consumo” e crescimento com geração de empregos e melhoria das condições salariais definiu a priorização do uso de recursos públicos para promover grandes projetos de infraestrutura produtiva, com enorme impacto sobre o território do país, sem fortalecer espaços de planejamento e ordenamento territorial nem construir um sistema de gestão do território federativo, que levassem em consideração as fragilidades e potências dos processos locais.

A política habitacional atual é concebida como elemento de dinamização econômica para enfrentar uma possível crise e gerar empregos, sem qualquer articulação com uma política de ordenamento territorial e fundiária que lhe dê suporte, especialmente no que se refere à disponibilização de terra urbanizada para produção de moradia popular."

 
 
imagem de Juliano Santos
Juliano Santos

Ué, o demotucanos são oposição ao governo do PT. Portanto fazem o "oposto" de tudo que o PT faz. a Dilma vai de "Minha casa, mina vida", e o SerraCassab vem de de "Meu barraco pegando fogo, minha morte"

 

Juliano Santos

 
imagem de Geraldo Galvão Filho
Geraldo Galvão Filho

Assim como os mega desastres da Petrobras cessaram com a posse do Lula em 2003; os incêndios em São Paulo cessarão com a posse de Haddad em 2013. No governo FHC a intenção era quebrar as resistências contra a privatização da empresa. Agora, é abrir espaço para a especulação imobiliária, e expulsão dos pobres para a periferia. 

 
 
imagem de Dejanira Tupinambás
Dejanira Tupinambás

Não vou entrar no mérito dos motivos de tantos incêndios. Quero saber para aonde irão essas pessoas (trabalhadores, idosos, crianças, mulheres e animais)? O governo de SP tem como abrigá-los? Espero que sim! E bem.

 
 
imagem de Fernando Curi
Fernando Curi

Não tem ninguém que faça o acompanhamento desses incêndios? Êsse povo atingido, são levados para onde? Retornam ao mesmo lugar e refazem as casas, ou acabam indo para um "pouquinho" mais para o interior?

O MP, o que diz?

 

"Tudo me é lícito mas nem tudo me convém" Contra o Preconceito e a Discriminação, o repúdio e a Lei.

 
imagem de Juliano Santos
Juliano Santos

O MP só diz uma coisa, "mensalão"

 

Juliano Santos

 
imagem de Jairo Coelho
Jairo Coelho

Nos últimos dias, um fato ou a repetição dele tem me intrigado. Por que tantas favelas de São Paulo são destruídas por incêncios?

Apenas para comparação, a cidade do Rio de Janeiro possui mais e maiores favelas que a cidade de São Paulo, no entanto, não se ouve com a mesma recorrência noticias sobre incêndios em favelas cariocas.

Não quero com este questionamento ventilar maledicências, embora a simples menção a essa negativa já seja capaz de inferir suspeitas sobre interesses escusos. Contudo, rogo a Deus que tudo não passe apenas de fatalidades, pois me recuso a crer que a maldade humana tenha atingido níveis tão elevados.

Segundo informações da imprensa, o incêncio da favela no Campo Belo teve início em um depósito de lixo localizado no interior da favela. Pelo que nos consta, a coleta de lixo é uma responsabilidade do Poder Público e o cumprimento dessa obrigação adminstrativa não limita-se à nobreza ou pobreza da área em que o lixo é produzido.

Como um questionamento inevitavelmente leva a outro, cabe-me perguntar até que ponto os administradores públicos, ao falharem no cumprimento de suas obrigações para com essas comunidades, tornam-se responsáveis, direta ou indiretamente, pela destruição de bens, vidas e alegrias de quem tão pouco tem para tentar ser feliz.

 
 
imagem de Maria Luisa
Maria Luisa

E o Kassab esta preocupado com essa gente ? A Folha, o Estadão ? A tal classe média ? Quem se interessa ? O melhor mesmo é que se queime tudo e que essa gente va para as cidade satélites. O mais longe possivel é o melhor.  

 
 
imagem de sergio m pinto
sergio m pinto

Estão sim. Tem até um certo candidato prometendo reubanizar as favelas. Basta entender como e para quem.

 
 
imagem de Sergio Lamarca
Sergio Lamarca

Carlos Lacerda tinha em seu curriculo que tinha mandado jogar favelados dentro do Rio Guandu, nunca foi provado nada e parecia ser uma estratégia de seus adversários politicos para denegri-lo. Agora em São Paulo, vai para o currriculo de todos os plumados tucanos a peche de botar fogo nas favelas para fazer uma "limpeza social". Um sentimento de todo o paulista "original" ou não, é que os nortistas e nordestinos invadiram São Paulo e por isso que a cidade é uma desordem. Isso tem sido a gasolina que alimenta políticos locais a receberem votos do eleitorado. No entanto, um novo fator se somou a isso de una anos para cá. É a violenta especulação imobiliária para atender a classe média emergente, principalmente a que emergiu de 10 anos para cá. O fato dos plumados tucanos em seu reinado absoluto em São Paulo, nada fazer para coibir essa prática assassina e o apartheid social em torno dela fez carimbar o passaporte do tucanato paulista ao inferno (se ele existir, é claro). Ninguém, nenhum candidato com chances de vencer vai querer "se meter" nesta discussão. O PT perdeu esse "feeling" faz tempo. Hoje quem tomou essa "bandeira" foi o PSOL, PSTU e o que restou do PCB. Assim sendo essa "limpeza social" certamente não estará no cardápio dos candidatos que estão bem colocados nas pesquisas. O que fazer nessa situação? Se vc somar todos os incêndios e desabrigados torna-se uma tragédia maior do que a que passam os palestinos na Cosjordânia e os Sírios nas cidades em guerra civil. É um desastre social semelhante a um furacão e que vc não vê autoridade nenhuma a querer ajudar e o sentimento de "bem feito por que foi morar aí" estampado no rosto deles. Cadê campanha na TV? Cadê a Globo, SBT, Record, Bandeirantes (a que mais joga combustível neste tipo de ódio) a se manifestar em ajudar os desabrigados?

 
 
imagem de pedro paulo souza
pedro paulo souza

No dia em que houver vítimas fatais, o PIG terá suas mãos manchadas de sangue, afinal por anos tem se prostituido com esse governo "higienista", escondendo e apoiando suas falcatruas, o qual a qualquer custo quer limpar acabar com os miseráveis de São Paulo ao invés de aplicar e dar continuidade a programas de inclusão social favorecendo mega empreendimentos imobiliários. Pinheirinho, cracolândia, incêndios com periodicidade espantosa, Ministério Público inerte, juízes mais preocupados com suas remunerações do que com a cidade. O agravamento do caos é inevitável, coitado daqueles que sucederem o PSDB no governo desta cidade, terão um dos maiores desafios desse país.

 
 
imagem de Stanley Burburinho
Stanley Burburinho

Enviei os dados que postei no comentário acima para um amigo que trabalha para a ONU. Ele custou a acreditar. Disse que vai dar prioridade para investigar.

 
 
imagem de Stanley Burburinho
Stanley Burburinho

1 - "Há quatro anos, incêndios em favelas têm sido recorrentes, somando pouco mais de 530 ocorrências, de acordo com o Corpo de Bombeiros de São Paulo. Em 2008 foram registradas 130 ocorrências; em 2009 foram 122; em 2010, 91 e em 2011, 189. (...)"

http://www.redebrasilatual.com.br/temas/cidades/2012/08/depois-de-quatro...

2 - Abaixo, um tweet do perfil do Corpo de Bombeiros de São Paulo:

"Corpo de BombeirosSP - [email protected]

No ano passado o CBPMESP atendeu 189 ocorrências de incêndios em favelas no Estado de SP, só na Capital foram 79.

 Responder  Retweetar  Favorito

8 RETWEETS 

9:05 Manhã - 28 ago 12 · Incorporar este Tweet

http://twitter.com/BombeirosPMESP/statuses/240480160745406464

3 - Estou acompanhando os incêndios em favelas de São Paulo em 2012: até agora já somam 32 incêndios, totalizando, de 2008 até agora, 562 incêndios.

4 - A Câmara de Vereadores de São Paulo instalou uma CPI para investigar esses incêndios. Acontece que os membros da CPI são todos da base aliada do prefeito. Nenhum vereador do PT, PC do B, etc. Entendi que a CPI foi instalada para esvaziar a oposição de instalar uma CPI e criar problemas para a situação em ano de eleição.

http://www.redebrasilatual.com.br/temas/cidades/2012/08/depois-de-quatro...

 
 
imagem de Stanley Burburinho
Stanley Burburinho

Detalhe: esse incêndio é o caso mais estranho, pois é uma favela que ainda não conta com rede elétrica, fator comumente apontado pela Defesa Civil como principal motivo para os incêndios.

 
 
imagem de Mario Blaya
Mario Blaya

MIAUUUU!

 

"A verdade é a melhor camuflagem. Ninguém acredita nela." MAX FRICH

 
imagem de Angela Maria
Angela Maria

Vc é um representante da falencia da especie humana. Repugnante !!!!

 
 
imagem de Stanley Burburinho
Stanley Burburinho

Ele fala em gato, mas esquece que as favelas do RJ, que tem mto mais do que SP, também tem gato e o último grande incêndio em favela seguido de remoção foi em 1969.

Se as casas das favelas do RJ, ao contrário das de SP, são feitas de alvenaria, pode retardar a entrada ou a saída do fogo, mas o incêndio não deixa de existir. Não existem relatos no Corpo de Bombeiros do RJ.

Há 2.500 anos, os gregos procuravam uma palavra para designar as pessoas que só olhavam para o próprio umbigo e encontraram a palavra "idiótes". Id de identidade, de próprio, etc.

 
 
imagem de Jair Fonseca
Jair Fonseca

Sakamoto disse tudo. E como escreve bem!

 
 
imagem de Nero
Nero

São Paulo:

- 500 favelas incendiadas em 5 anos!

- 32 favelas incendiadas em 2012!

- 1 favela incendiada por semana!

Isso é normal!!!

Não vejo a "grande imprensa" ir atrás e buscar respostas para esses fatos! Há um crime aí.

Seria especulação imobiliária???

Política social "lacerdista"???

Extermínio sistemático e premeditado das favelas de SP???

O que me intriga é o silêncio da "grande mídia" sobre esses graves fatos que ocorrem em SP e ninguém diz nada.

 

 

 

 
 
imagem de Alan Souza
Alan Souza

O silêncio da grande mídia e o paulistano achar que está tudo bem!

 

De poste em poste o Brasil vai se iluminando...

 
imagem de Ivan Arruda
Ivan Arruda

Eu acho que esses incêndios são causados pelo mesmo movimento. O da ganância imobiliária. E esse movimento, por ser aliado do cansei, sua recorrência conta com proteção policial e judicial. Antigamente as injustiças locais ou mundiais causavam indignação nos jovens independentemente de agremiações partidárias. Tinhamos as universidades e a OAB. E os movimentos secundaristas. Hoje, temos muito mais doutores. E mais incêndios. E expulsões de pobres. Na cidade mais importante do País...

 
 
imagem de saulowan
saulowan
Re: Mais de mil desabrigados no incêndio da favela no Campo Belo
 

"Cada vez que critico o governo, e olho ao lado de quem eu fico, perco a vontade de continuar." (Luiz Fernando Veríssimo)

 
imagem de Dê

Veja que há favelas pelo Brasil inteiro...mesmas construções, mesmos gatos etc...mas só as de SP pegam fogo.  Agora, campo Belo com o m² podendo chegar nos  R$8.000,00 +ou-, tá bom que irão deixar favelas!!!  MP.....aquele abraço!!!

 

Um dia desses, eu separo um tempinho e ponho em dia todos os choros que não tenho tido tempo de chorar. Carlos Drummond de Andrade

 
imagem de César
César

Falou tudo! É de deixar a gente com a cara vermelha de vergonha e de indignação. Até qdo vamos suportar essa elite miserável no comando de tudo em SP?

Eu tô de saco cheio! ¬¬

 
 
imagem de Alan Souza
Alan Souza

Segundo o Corpo de Bombeiros de São Paulo, foram 530 incêndios em favelas em Sampa, nos últimos 5 anos - só na última semana foram 4. E segundo a própria Prefeitura da cidade, em 2007 São Paulo tinha 1538 favelas. 1/3 das favelas da cidade foram incendiadas. Impossível que o paulistano continue achando isso normal!

 

De poste em poste o Brasil vai se iluminando...

 
imagem de Vitudo
Vitudo

Infelizmente Alan, o Paulistano é teleguiado. O grupo Abril, a Globo, a Folha e o Estadão formam uma barreira intransponível para a visualização da vida real em São Paulo. O Paulistano médio vive dentro de uma "bolha" de exclusão da informação verdadeira. A grande maioria, mesmo com Internet, frequenta os sites desse mesmo "Grande Irmão" midiático. A Record (porque seu dono, o Bispo, foi preso e acredita que foram estes grupos que armaram sua prisão) é que fala alguma coisa, mas ainda é muito pouco. Pobre povo paulista.

 
 
imagem de ejedelmal
ejedelmal

Çerra Empreendimentos Imobiliários

 
 
imagem de Ricardo Cesar
Ricardo Cesar

O ar tava muito seco ontem e esses favelados não estão acostumados com eletricidade, gás de cozinha, essas coisas da modenidqade!

 
 
imagem de Flávio Furtado de Farias
Flávio Furtado de Farias

Foi exatamente isto que o BOM DIA, BRASIL falou.

Revoltante, assistir pela manhã, um jornal justificar o incêndio pelo clima seco da cidade. Matéria enorme sobre o clima seco antecedeu, ainda, a matéria do incêndio na favela.

Colocaram no ar uma fala do coronel PACA. O mesmo PACA que demorou meses para comparecer à CPI dos incêndios em favelas de São Paulo. Faltou somente o PACA dizer que os moradores colcoaram de propósito o fogo em suas moradias.

 

Flávio Furtado de Farias

 

Postar novo Comentário

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.
CAPTCHA de imagem
Digite os caracteres exibidos na imagem acima.

Faça seu login e aproveite as funções multímidia!