Re: O protesto dos jornalistas na CBN de Curitiba

imagem de tales-tales
tales-tales

 airton-cordeiro

Caso de assédio sexual seria motivo de greve e demissões na CBN5 de agosto de 2013 

Quem sintonizar a CBN Curitiba – 90,1 FM – hoje (5) vai ouvir notícia de São Paulo. Isso porque os funcionários da emissora decidiram paralisar as atividades nesta segunda-feira. Diretores do SindijorPR estão, neste momento, em reunião com os jornalistas na própria CBN.

Os jornalistas informam que a paralisação exige “esclarecimento público a respeito da denúncia de assédio sexual, supostamente cometido pelo comentarista Airton Cordeiro (foto); esclarecimento da empresa aos funcionários em relação à saída do diretor de jornalismo José Wille; notificação à Rede CBN sobre caso de assédio sexual dentro da CBN Curitiba e os recentes desligamentos de outros jornalistas”.

A insistência dos funcionários em pedir providências à rádio teria sido o motivo da demissão José Wille, ainda na semana passada, e agora de Álvaro Borba e chefe de reportagem Marcos Tosi, que teriam se recusado a assumir novas funções na CBN Curitiba enquanto a emissora não afastasse Cordeiro.

Segundo informações, a direção nacional da CBN estuda uma intervenção na parceira curitibana.

(Com informações do Sindjor e do jornalsita Dary Jr.)