A remuneração dos professores paulistas

Do Blog de Luiz Flávio Rodrigues

São Paulo cai quatro posições em ranking salarial de docentes

Isso porque é o Estado mais rico do Brasil....valha-me Deus!

------------

1/04/2010 - 10h27

São Paulo cai quatro posições em ranking salarial de docentes

Publicidade

da Folha Online

Hoje na Folha A rede estadual paulista de ensino caiu quatro posições desde 2007 no ranking nacional de salários iniciais, para professores da educação básica. Ocupa hoje a 14ª colocação entre os 27 Estados, segundo reportagem de Fábio Takahashi, Luiza Bandeira e Silvia Freire publicada na edição desta quinta-feira da Folha (íntegra somente para assinantes do jornal ou do UOL).

De acordo com o levantamento feito pela Folha, no sistema paulista, o salário é de R$ 1.834, para uma jornada de 40 horas semanais. Foi considerada a remuneração inicial (que abrange metade da rede estadual de SP) dos docentes com formação superior. A hora-aula paga em São Paulo equivale à metade da de Roraima, unidade com a melhor remuneração.

Parte dos docentes paulistas está em greve há quase um mês. Eles exigem reajuste de 34,3%. Desde 2008 não há aumento e desde 2005 os reajustes aos docentes estão abaixo da inflação.

Em resposta a reivindicação dos professores, a política implementada pelo governo Serra, que seguirá com Goldman (ambos PSDB), foi dar dinheiro extra aos docentes mais bem avaliados. Ontem, por exemplo, a Secretaria da Educação anunciou que 20% dos docentes ganharam aumento de 25% --eles tiveram as maiores notas numa prova.

Nenhum voto
115 comentários
imagem de Ana
Ana

Obrigada, Na Maria. Hummmm, agora está clareando. Esqueci da FDE. Mas ainda acho um absurdo o que vi de despesas com Fundo de Garantia pra essas situações meigas. Agora, com a novidade do curso de formação para professores, este ano, vai ser uma verdadeira farra. Que o Senhor nos ilumine!!!

 
 
imagem de luiz claudio
luiz claudio

caro gunter, todas as estatais que foram sucatesdas para serem vendidas passaram pelo mesmo caso, cesp, eletropaulo, cpfl, cosipa, porto de santos, etc.

 
 
imagem de luiz claudio
luiz claudio

ei..........não deixa o chico pedro calcular pq ele consegue de um milhão fazer um bilhão.

 
 
imagem de luiz claudio
luiz claudio

propaganda da sabesp nos estados do norte e nordeste do brasil, etc.....

 
 
imagem de luiz claudio
luiz claudio

ééééé.............chico pedro, ainda bem que vc não da aula de matemática. abçs, uaiii.

 
 
imagem de NaMaria
NaMaria

Não é isso de limpeza terceirizada nas escolas, não, David. Tais funcionários recebem pela empresa terceirizada e não pelo estado - o estado paga a empresa e esta os funcionários. O Fundo de Garantia vai para os contratados da FDE, por exemplo, e outros órgãos da SEE que tenham funcionários concursados CLT. Tá cheio de gente CLT por lá, na educação toda. Fora outras coisinhas/situações mais meigas.

 
 
imagem de NaMaria
NaMaria

Não é isso de limpeza terceirizada nas escolas, não, David. Tais funcionários recebem pela empresa terceirizada e não pelo estado - o estado paga a empresa e esta os funcionários. O Fundo de Garantia vai para os contratados da FDE, por exemplo, e outros órgãos da SEE que tenham funcionários concursados CLT. Tá cheio de gente CLT por lá, na educação toda. Fora outras coisinhassituações mais meigas.

 
 
imagem de Ana
Ana

Jura. Na verdade, “largar as APM’s nas mãos do governo” não é um erro da Apeoesp, ou qualquer outro sindicato de profissionais da educação. O problema é que os professores sindicalizados ou não, fogem dessas responsabilidades. Por vários motivos, uns por excesso de aulas, outros por total apatia. Por estatuto, o presidente da APM é o diretor da escola, e como tal ele convoca as eleições, todo início de ano. Quando um diretor é honesto e transparente, a APM funciona melhor. Mas concordo que pintura, limpeza, segurança e até educação (segundo a NaMaria) nem deveriam ser cogitadas como gasto das APM’s. Na minha escola, tínhamos por hábito utilizar esses recursos para premiar os melhores alunos com excursões de laser, por exemplo, pois isso o estado não financia. O resto é obrigação do estado, não da APM.

 
 
imagem de Ana
Ana

NaMaria. Infelizmente devo admitir que você tem toda razão. Na verdade os casos de corrupção que eu conheço, envolvendo APM’s, diretores, notas fiscais falsas e empresas fantasmas, foram abafados na fase da denúncia, pelo próprio dirigente de ensino e seus subservientes supervisores. É bom esclarecer que os dirigentes de ensino, embora sejam professores, ocupam essa função por indicações superiores e políticas. A meu ver, um dos graves problemas da rede estadual. Cada vez que muda o governo, muda o secretário da educação, mudam os dirigentes e muda o programa que estava sendo desenvolvido. O novo secretário quer deixar a sua marca, e nem verifica o que está funcionando e o que não está. Portanto, não há realmente compromisso com as questões pedagógicas, com pouquíssimas exceções nos últimos anos de PSDB. Por isso eu defendo uma discussão séria sobre a educação que o estado de São Paulo quer.

 
 
imagem de Ana
Ana

David, valeu, obrigada. Mas, pelo que sei, quando terceirizam serviços, os responsáveis pelo recolhimento do Fundo de Garantia dos funcionários terceirizados, são as empresas contratadas para efetuar o serviço. Portanto, não sairia da folha de pagamento da Secretaria da Educação.

 
 
imagem de rita
rita

e o professor deve demostrar merito pela a falta de merito do aluno.

 
 
imagem de rita
rita

o sindicato devia ter impedido dessa lei ai ter sido aprovada.

 
 
imagem de rita
rita

e qual foi o criterio da secretaria da educação para incluir alguns e excluir outros?

 
 
imagem de David
David

Ana, é só um chute, mas várias escolas terceirizaram os serviços de limpeza e segurança. Pode ser isso...

 
 
imagem de David
David

KKKKKK, excelente!!!

 
 
imagem de Ana
Ana

Corrigindo...ele acreditou que não chegariam aos 20%...

 
 
imagem de Ana
Ana

Nassif,

Outro dia você publicou uma planilha sobre os gastos da Secretaria da Educação. Fui verificar melhor aquilo, no próprio site da Secretaria da Fazenda. Tentei fazer uma comparação entre os gastos com pessoal em janeiro de 2009 e janeiro de 2010. Uma vez que o secretário Paulo Renato afirmava um aumento da folha de pagamento em uns 33%, se bem me lembro. Uma questão me deixou intrigada, quando cheguei à planilha de pessoal. Há um enorme gasto declarado como Fundo de Garantia. Ora, pelo que eu conheço de mais de 25 anos de funcionalismo público, 20 deles como professora, nenhum servidor da Secretaria da Educação tem recolhimento de Fundo de Garantia, portanto, pra quem o patrão recolhe? Os efetivos não têm exatamente porque são efetivos. Os temporários, pelo que sei, também não têm. Então, porque há um registro desse porte na planilha da Secretaria da Educação? Diante disso, solicito a gentileza de algum dos seus leitores mais chegados em dados de Economia e afins, ou colegas professores, que nos esclareça esse ponto.

Sobre os 20 mil professores que estariam acima da nota de corte na prova de mérito. Eu esperava exatamente isso, o que prova que o Secretário Paulo Renato está totalmente equivocado, e não tem a menor idéia de quem são os professores da rede. Provavelmente ele acreditou que não chegariam aos 25%, subestimou a capacidade dos profissionais, e agora são 20mil professores revoltados, além dos outros que nem chegaram a vislumbrar a possibilidade dessa bonificação. O que será que esses professores revoltados vão fazer? Votar no Alkimin?! E no Serra pra presidente?! Veremos.

 
 
imagem de David
David

Desvirtua-se a questão, dessa maneira. Professores bons ganhando mais e ruins ganhando menos, é o que vc parece defender. O que os alunos ganham com isso? Quem é ruim vai ficar bom da noite pro dia, tendo que trampar um monte pra conseguir um bom salário? Não resolve a questão. Professor que for mal avaliado tem que ter formação continuada, aliás, todo professor deve ter direito a isso... Prova de mérito apenas transfere a culpa para o professor...

 
 
imagem de Cesar
Cesar

Voce deveria dizer isto ao Serra, que estabeleceu que o aluno deve ser aprovado sem mérito.

 
 
imagem de jura
jura

Porque os donos somos nós, sócio!

Pelo jeito você nunca participou de uma assembléia de acionistas...

 
 
imagem de Chico Pedro
Chico Pedro

Vou repetir o que já disse.. . As coisas tem suas limitações.. . Só isso. Ponto final. . E estou ao lado dos professores por melhores salários desde sempre.

 
 
imagem de Chico Pedro
Chico Pedro

Eu continuo achando que é complicado aumentar salário de servidor.. . Mas não me impede de considerar uma grande vergonha o tanto que os professores recebem.. . E historicamente os partidos de esquerda tem mais "sensibilidade" com o funcionalismo.. . Nisso eu também concordo.

 
 
imagem de Chico Pedro
Chico Pedro

Me equivoquei nos cálculos.. . Aqui há um link onde informa o quanto representará o reajuste de 900 mil servidores em Minas.. . 1 bilhão e 100 milhões de reais por ano.

 
 
imagem de jura
jura

No Brasil não se aceita bem a idéia de que funcionários públicos sejam remunerados "acima da média", embora seja assim em todos os países desenvolvidos.

Aqui muitos governos aprenderam a usá-los como boi de piranha para desviar a atenção sobre a própria incompetência. Nesse sentido foram altamente competentes.

 
 
imagem de Caetano
Caetano

Pelo jeito você é a favor de por a máquina de dinheiro para rodar, fazendo a inflação explodir.

 
 
imagem de Caetano
Caetano

A gratificação por mérito é fundamental, dentro de qualquer carreira. Essa idéia de que serve para desagregar a classe é estapafúrdia: se fosse verdadeira, nenhum sindicato (por exemplo o dos metalúrgicos, de Lula) teria força, uma vez que não há uniformidade de salários. A competição entre pares sempre aumenta a qualidade.

 
 
imagem de Chico Pedro
Chico Pedro

UHauhauhauhauhauhauhauha.. . Boa Luisão...tem bom humor.

 
 
imagem de Chico Pedro
Chico Pedro

Amigão... . Eu não estou defendendo ninguém não sô.. . Professor prá mim devia ser uma categoria MUITO MAIS prestigiada.. . Só é evidente que as coisas tem suas limitações..

 
 
imagem de João Maria Fernandes - RN
João Maria Fernandes - RN

"MERITO" meu caro pode significar apadrinhamento, picaretagem e pelegagem nas repartições e escolas meu caro, por exemplo.

Isso pode valer para o mundo dos CEOs e outras invenções mirabolantes dos neocons pra impor sua teoria de "fim da história", nunca para servidores estatais concursados.

 
 
imagem de Chico Pedro
Chico Pedro

Concordo...está aí outro assunto que mereceria mais atenção no Blog..

 
 

Postar novo Comentário

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.
CAPTCHA de imagem
Digite os caracteres exibidos na imagem acima.

Faça seu login e aproveite as funções multímidia!