Mas é outro fenômeno,

imagem de Gilberto Marotta
Gilberto Marotta

Mas é outro fenômeno, diferente dos 5% de Lula, dos quais conheço alguns militantes e é uma coisa de preconceito de classe mesmo, o nordestino-ex-torneiro-mecânico-que-não-estudou e não pode ser bem sucedido porque isso expressa, de uma certa forma, a falência de algumas de suas crenças mais arraigadas, para as quais manifestam um fervor quase religioso. Eles se consideram "o homem de bem", logo, não podem ver em Lula este homem, porque têm hojeriza a Lula. Basta ver o ódio com que falam, que se estende à maneira de ser do presidente: gostar de futebol, tomar cachaça, dizer que não gosta de ler, a esposa quer ser uma simples dona de casa e cuidar dos filhos... e por aí vai. Kotscho é um cara bom, mas anda meio preguiçoso... o que ele escreve tá bom pra um papo de botequim, mas não para uma discussão científica. Não traz fatos e dados, estudos, nada. É só papo.