Afif e o Poupatempo do empresário

Do Valor

Afif despede-se do cargo com Poupatempo para empresário

João Villaverde, de São Paulo
31/03/2010

O secretário de Emprego e Relações do Trabalho do governo do Estado de São Paulo, Guilherme Afif Domingos (DEM), deixa hoje o cargo, e, mesmo sem saber para onde vai, já sabe o que defenderá. Afif lançou ontem o Poupatempo do Empreendedor, site que pretende agilizar o processo de licenciamento para legalização de micros e pequenas empresas, e, com ele, o secretário pretende simbolizar sua principal bandeira: o Estado que atua para facilitar o trabalho do empresário.

O site é o principal projeto do Programa Estadual de Desburocratização (PED), instituído no primeiro dia útil do governo José Serra (PSDB), em janeiro de 2007. Ao todo, segundo informa a secretaria, a implementação do projeto consumiu R$ 1,5 milhão do orçamento estadual, sendo R$ 1,1 milhão para o Sistema Integrado de Licenciamento (SIL), que será incorporado ao site do Poupatempo. Além disso, o governo espera gastar cerca de R$ 600 mil anuais com a operação, sendo R$ 200 mil com manutenção do sistema.

"Não se trata de um projeto com cunho de campanha. Mesmo o lançamento é um ato discreto, não à toa ocorre no mesmo dia da inauguração do Rodoanel", afirmou Afif ao Valor, antes da cerimônia ocorrida no Palácio dos Bandeirantes, ontem. Afif, que se desincompatibiliza do governo para poder se candidatar nas eleições de outubro, disse que ainda não sabe se ocupará a vice na chapa de Geraldo Alckmin (PSDB) ao governo do Estado.

"Quem está comandando a negociação dentro do PSDB é o Serra. Será algo decidido por arbitragem do líder maior desse projeto, que é o governador. O Alckmin está absolutamente ciente disso e vai obedecer a diretriz", afirmou. Afif disse não ter conversado ainda com Alckmin, e que está deixando o cargo a pedido do prefeito Gilberto Kassab (DEM), que "está auxiliando o Serra nas negociações entre PSDB e DEM aqui em São Paulo".

O secretário é direto em estabelecer as bases do papel do governo do Estado na criação de emprego. "Há um autismo da repartição pública que precisa ser esquematizado apropriadamente. O Estado precisa incentivar o empreendedorismo por meio da desburocratização", afirma ele, para quem "mais empregos serão criados, como consequência".

Para João Guilherme Vargas Neto, consultor sindical, as escolhas de Afif para a pasta estadual e de Marcos Cintra (PR) para a secretaria municipal, representam o pensamento com que a união entre PSDB e DEM atuaram na gestão do Estado. Para ele, Afif, no Estado, e Cintra, na Prefeitura, seguem o mesmo direcionamento: respondem por "emprego e relações do trabalho", mas não mantém relação com o movimento sindical. "Não temos, em São Paulo, nenhum membro do governo ou da prefeitura que se relacione com sindicatos", diz.

"O lema do governo paulista", diz Neto, "é tudo pelo trabalhador e nada pelo sindicato". Para ele, é "simbólico" que mesmo medidas que favorecem os trabalhadores não contam com participação dos beneficiados. "Basta verificar que Afif anuncia o projeto do Poupatempo sem trabalhadores ou sindicatos presentes", afirma.

Nenhum voto
33 comentários
imagem de Caetano
Caetano

O prezado Orlando não diz coisa com coisa. "... cordão umbilical devidamente conectado aos cofres públicos..." O assunto é simplificação burocrática, não se trata de liberação de verbas públicas para empresários.

 
 
imagem de Márcio
Márcio

Faltou dizer que a desburocratização é uma consequência da Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas (Lei Complementar 123/2006), que foi uma das grandes conquistas do governo Lula no campo da simplificação tributária e do apoio ao pequeno empresário. Foi essa lei que criou o Simples Nacional e tornou imensamente mais simples o processo de registro e abertura das micro e pequenas empresas.

O Poupatempo é uma medida (obrigatória) de adaptação ao regime nacional, de baixíssimo custo para um estado com as condições de SP, e já poderia estar funcionando há muito tempo.

 
 
imagem de Richard
Richard

Se for realmente micro-empresa ou empresa de pequeno porte não precisa de advogado para entrar com uma ação no Juizado Especial Cível.

 
 
imagem de Diego Mattar
Diego Mattar

Me lembro que quando Afif entrou no governo falou que iria diminuir o tempo de abertura de uma empresa para 15 dias. Que eu entendi, esse era a principal função do Poupa tempo do Empresário, mas pelo jeito Afif não conseguiu fazer tudo o que queria e lançou o portal às pressas.

 
 
imagem de Jura
Jura

Em Cuba tem furacão há vários séculos. Os primeiros conquistadores espanhóis já faziam relatos terríveis deles.

A chuva em São Paulo não é obra de São Pedro. É obra dos Bandeirantes.

Se você tiver uma gastrite, procure um PS municipal.

 
 
imagem de Jura
Jura

Jonas Buarque disse: 31/03/2010 às 12:48

Caros,

outro dia conversei com um amigo tucano (assessor de um vereador da Capital) e o questionei sobre qual a marca do governo do PSDB nesses quase 30 anos de administração no Estado de São Paulo (é, levo em conta o governo do Montoro). Depois de pensar muito, o colega disse que a maior marca do PSDB era o PoupaTempo. Fiquei impressionado com a resposta e cheguei a ironizá-lo, uma vez que chega a ser vergonhoso um governo sentir orgulho de um serviço que, na verdade, nem deveria existir. Em administrações modernas, as pessoas jamais devem perder tempo para ter acesso a alguns serviços disponibilizados no PoupaTempo. Boa parte deveria ser resolvida na própria internet.

 
 
imagem de Jura
Jura

O Juizado Especial pode funcionar onde for mais conveniente.

E, aliás, funciona mesmo por toda parte, em todo fórum tem, inclusive os federais.

Isso é descentralização, não centralização.

Se vocês gostam de perder tempo no trânsito é outra história. Aliás, paulista gosta de cada coisa...

 
 
imagem de Jura
Jura

Foi criado pelos baianos. O ciúme é dos paulistas.

 
 
imagem de Renato
Renato

Nassif, viva em Cuba, se você sentir dor no peito e o médico falar que é apenas uma gastrite, não reclame depois com São Pedro.

 
 
imagem de flavio
flavio

eu só não entendi pq se vangloriar de não ser ou ter sindicalistas no governo....... ser sindicalista é um defeito? para mim não é defeito e nem qualidade..... cada uma q me aparece!!!!

 
 
imagem de Andre
Andre

CORREÇÃO

Isso é desonestidade intelectual. O que os defensores da livre iniciativa, que é fundamento constitucional, defendem é a desburocratização e fim do excesso de interferência do Estado. Espera-se que o seu Manoel, que vende Esfirras numa garagem com sua mulher, possa abrir sua empresa em menos de um mês. Por conta da burocracia ele gasta 6 meses.

O que se espera é que não seja burocrático abrir uma empresa. Sai até mais barato pro Estado. Não é uma AÇÃO do Estado que é pedida, mas simplesmente que ele simplifique os requisitos existentes. O Estado cria uma burocracia assustadora e quando começa a eliminá-la você denomina isso de agir em prol de um grupo. Isso é sujeira da braba, companheiro.

 
 
imagem de Andre
Andre

Isso é desonestidade intelectual. O que os defensores da "iniciativa privada" ou livre iniciativa, que é fundamento constitucional, defendem desburocratização e excesso de interferência do Estado. Espera-se que o seu Manoel, que vende Esfirras numa garagem com sua mulher possa abrir sua empresa em menos de um mês. Por conta da burocracia ele gasta 6 meses.

O que se espera é que não seja burocrático abrir uma empresa. Sai até mais barato pro Estado. O que se espere não é uma AÇÃO do Estado, mas simplesmente que ele simplifique os requisitos existentes.

 
 
imagem de Fernando
Fernando

O maior defeito do Poupatempo foi o de não ter sido criado pelo PT. Eita ciumeira besta...

 
 
imagem de Andre
Andre

É possível que alguém seja brilhante a ponto de achar que uma iniciativa dessas beneficia multinacionais e bancos?

Isso serve aos interesses de micro empresários. O seu José da esquina, que quer abrir um bar.

Grandes grupos não precisam desse serviço.

Vocês são tão cegos que ao ouvir a palavra empresário tem coceira, se esquecendo que na maioria das vezes empresários são trabalhadores como quaisquer um de vocês.

 
 
imagem de Lewis
Lewis

Como assim, é melhor sem o Juizado Especial? Se coloque no lugar de milhares de pessoas que puderam acessar a Justiça por este caminho, lembrando que sem o Juizado nunca teriam sido ressarcidas, teriam tido prejuízos de empresas de cartões de crédito, telefonia e nome sujo na praça. A questão não é só de inteligência e bom senso, que a comentarista tem na minha opinião, é que interesses existem quando se é contra este tipo de serviço a população.

 
 
imagem de Lewis
Lewis

Enquanto isto os pequenos empresários vão sendo tungados em vários golpes legais, cujo único recurso seria a Justiça, se ela não fosse mais cara que a própria tunga.

 
 
imagem de Orlando Varêda
Orlando Varêda

Os moços adeptos fervorosos da chamada "iniciativa privada" tem habitos mui interessantes. Falam o diabo do Estado, mas, não largam de manterem o cordão ubilical devidamente conectado aos cofres públicos do maléfico Estado.

Por outro lado, são extremamente ciumentos e exclusivistas. Ninguém, especialmente os despossuidos, sem propriedades, sem terras, etc. deverão tratar diretamente com o comando do Estado.

Apenas eles devem operar como destino final ou, como intermediário das demandas e financiamentos públicos.

São uns pôrretas esses caras. Cambada de farçantes!

Orlando

 
 
imagem de Jura
Jura

E de idéias...

 
 
imagem de Jura
Jura

Os tucanos de São Paulo não podem nem ouvir comparações com o SAC da Bahia, que eles copiaram mas não admitem nem sob tortura...

Mas, cá entre nós, o modelo é centralizador quando o que precisamos é de descentralização. É mais conveniente para o Estado do que para o cidadão. A desculpa de que você pode fazer tudo num lugar só é esfarrapada: quem precisa de carteira de motorista, identidade ou outro documento, tudo na mesma data? É lógico que você vai ter que voltar de novo, inclusive porque nada fica pronto na mesma hora.

 
 
imagem de Maria Lima
Maria Lima

Independentemente do que se ache do Afif, a ideia de atender bem pequenos e micro-empreendedores deve ser louvada. Falar mal dos poupa-tempo e querer que a coisa volte a delegacia de policia eh tambem querer ser contra para ser contra. O servico esta bem melhor agora. Porque nem tudo esta resolvido, porque o mar eh de ineficiencia, deveriamos afundar as ilhas de eficiencia que existem de uma vez... O que eh isso? O teclado esta com problemas, desculpem a falta de acentos...

 
 
imagem de Lewis
Lewis

Imagine que você seja um pequeno empresário ou funcionário de pequena empresa, que tenha um plano de saúde para os sócios, os funcionários e suas famílias. Imagine que no vencimento do contrato o reajuste anual seja de 149%. Você liga na ANS e eles dizem que não se envolvem em contratos de pessoas jurídicas – embora todos os contratos das empresas prestadoras sejam iguais e por adesão, tipo isto ou nada. Imagine que o contrato tenha uma cláusula que todo cancelamento do contratado valha somente 30 dias após o plano de saúde ter recebido o comunicado. É uma tunga de R$ 3 mil, R$ 5 mil, R$ 10 mil conforme a empresa e, muito importante, não compensa ir pra Justiça, nenhum advogado quer a causa. Se não pagar te negativam no Serasa e atrapalham a sequencia dos negócios. O que você sugeriria como alternativa aos tungados, já que é contra este novo tipo de Pequenas Causas?

 
 
imagem de José Paulo Vieira
José Paulo Vieira

O Afif poupando tempo dos empreendedores... Será bom para nós consumidores? Esta missão o falecido Ministro Hélio Beltrão assumiu em 1979, mas não conseguiu vencer a cultura burocrática brasileira. Mas... agora a Oi poupa (muito) dinheiro.

Quando vi no final do ano passado a noticia que o Conselho de Administração da Oi iria aprovar o agravamento das "provisões para ações judiciais da BrT" em seus balanços, que já haviam sido revisadas e AGRAVADAS EM 5VEZES antes da venda, CONCLUÍ que ela iria arbitrar mais um ganho na operação que já estava econômicamente interessante.

A notícia recente da proposta da revisão da relação de troca das ações PN e ON por valores inferiores ao acordado com os acionistas minoritários anteriormente se amparou no argumento do agravamento das ações judiciais.

No jornal Valor Econômico de hoje 31/3/2010 a Oi declara que vai reduzir o prazo e o volume de seu lançamento de debêntures do final do ano passado. O volume total a ser captado caiu de R$ 2,25 bi para R$ 1,95 bi, sendo que o lote de debêntures com vencimento em dez anos caiu de R$ 500 milhões para R$ 200 milhões e os R$ 1,75 bi que venceriam em 5 anos foram reduzidos para 4 anos.

Isto nos permite o direito de indagar se essa redução do custo e do prazo de captação tem relação direta com a desoneração obtida com o agravamento das provisões.

 
 
imagem de Rafael Santana
Rafael Santana

Qual a novidade ? qual é o mistério? ... esse Tal de Polpatempo, Poupatempo empresárial nada mais nada menos que o SAC ( servico de Atendimento ao Cidadão ) aqui da Bahia, que também tem sua versão impresárial.... aquela história que se levava 45 dias para abiri uma empresa e agora leva apenas 3 ou coisa assim.

Detalhe: O SAC da Bahia, tem mais de 15 anos e é o pioneiro nesse serviço, não só sendo reconhecido como ter ganho até prêmio da ONU por isso.

Mais cômico mesmo foi um reportagem do JN mostrando ao similar em portugal como se fosse a ultima maravilha do mundo e no dia seguinte Willian Bonner na maior cara de pau teve que mostrar outra reportagem mostrando que não só lá como aqui no Brasil esse serviço já existia.

 
 
imagem de Jura
Jura

Enfim, podiam poupar a nossa inteligência!

Só eles acreditam na propaganda que eles mesmos fazem.

 
 
imagem de Alexandre Weber- Santos/S.P.
Alexandre Weber- Santos/S.P.

Faltou o Afif combinar com os russos.

Quer poupar tempo, faça uma reforma política que valha o nome, uma reforma fiscal de mesmo porte e uma reforma tributária que devolva sanidade a coleta de receitas para o sustento do Estado.

O resto é piada infantil.

 
 
imagem de Jorge
Jorge

o Afif precisa explicar aos pequenos e micros empresários porque não ficou contra o brutal aumento de Iptu promovido pelo kassab, que ele apoiou e que é do mesmo partido dele.

 
 
imagem de Caetano
Caetano

Que comentário absurdo... Não é para proteger o empresário, é para facilitar a vida de quem empreende, que obviamente não é o seu caso. A medida proporciona a criação de riqueza e emprego.

 
 
imagem de Denis Fonseca
Denis Fonseca

Existiu algum programa estilo o PED a nível nacional?

 
 
imagem de Luis José Ariosto Pereira SIlva
Luis José Ariosto Pereira SIlva

brincadeira, tucano só sabe mesmo fazer coisas para a elite, uma bela m... o site de poupatempo para empresário, tem que fazer coisas pelo povão, e nao para a classe A, por isso que SAmpa está desse jeito , ok

 
 
imagem de Zilda Scott
Zilda Scott

Podiam poupar, também, meu tempo de espera de ônibus e metrô, sempre lotados; podiam poupar o tempo dos professores com as greves e manifestações justas, e pagar-lhes salarios dignos desse cargo; podiam, também, poupar os paulistanos das eternas enchentes e podiam, enfim, poupar um pouco o povo dos fartos pedagios.

 
 

Postar novo Comentário

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.
CAPTCHA de imagem
Digite os caracteres exibidos na imagem acima.

Faça seu login e aproveite as funções multímidia!