“É preciso que se envergonhe: é o exemplo do pior de nós mesmos”, diz Jacqueline Muniz

Post Content

Moïse Kabagambe foi morto a pauladas no quiosque Tropicália, no posto 8 da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, quando tentava receber R$ 200 reais pelo trabalho prestado, no dia último dia 24. Para Jacqueline Muniz, cientista política, antropóloga, especialista em segurança pública e professora da Universidade Federal Fluminense, o caso de Moïse é “dramaticamente icônico da realidade brasileira, de quem somos nós”. A especialista elenca cinco fatores que, combinados, possibilitaram essa violência brutal. Entrevista à jornalista Marilu Cabañas. Veja o vídeo.

📌 Fortaleça a TVT e a Rádio Brasil Atual! Manda um Pix. Chave: [email protected]
📻 Sintonize: 98,9 FM – Grande São Paulo; 93,3 FM – Litoral Paulista; 102,7 FM – Noroeste Paulista
Ouça ao vivo pelo nosso site: http://radiobrasilatual.com.br 🔔 Inscreva-se no nosso canal do Youtube: youtube.com/radiobrasilatual

Conteúdo desenvolvido e publicado no YouTube pelo canal Rádio Brasil Atual. Assista vídeo Read More