Jornalismo estilo prato francês "Requente diantionte"

Em 07 de Agosto de 2008, o site Terra Magazine através do jornalista Bob Fernandes trazia a seguinte reportagem:

Luis Cláudio, filho de Lula, era alvo de seqüestro

Bob Fernandes- Direto de Pequim

O filho do presidente Lula, Luis Cláudio Lula da Silva, 22 anos, auxiliar de preparação física da equipe de Vanderlei Luxemburgo no Palmeiras era alvo e objeto de um plano de seqüestro articulado pelos traficantes Juan Carlos Abadia, colombiano, e Fernandinho Beira-Mar. O presidente Lula foi informado dos fatos há dois meses. Desde então Luis Claudio teve sua segurança reforçada.

Escutas ambientais no presídio de segurança máxima de Campo Grande (MS) e interceptações telefônicas de parentes e advogados que visitam os presos levaram à descoberta da articulação.

As conversas interceptadas mostram que Juan Carlos Girotti, do PCC, e um dos líderes do assalto ao Banco Central, em Fortaleza (CE), também se envolveu no ensaio da operação.

Para a extradição de Abadia, já autorizada pelo Supremo Tribunal Federal e decidida pelo presidente, só falta o decreto ser assinado pelo próprio Lula.

De acordo com as informações levadas ao conhecimento do presidente da República, o conluio de traficantes planejava três alternativas para fugir da prisão.

Uma, o seqüestro de Luis Cláudio e autoridades do Judiciário e/ou Executivo que seriam trocados por presos. Essa configuração lembra o modelo colombiano que teve seu auge durante o reinado do mega-traficante Pablo Escobar.

As outras duas alternativas captadas pelas escutas ambiental e telefônica eram ou uma invasão do presídio ou uma interceptação de criminosos que estivessem a caminho de audiências.

Luis Cláudio Lula da Silva faz faculdade de Educação Física.

 

Ai hoje, 04 de janeiro de 2010, após quase um ano e meio vem a Folha com manchete de primeira capa.

Tráfico tramou sequestrar filho de Lula

HUDSON CORRÊA/DIANA BRITO - DO RIO 

Uma investigação da Polícia Federal revela detalhes de como o traficante Luiz Fernando da Costa, o Fernandinho Beira-Mar, planejou, de dentro do presídio federal de segurança máxima de Campo Grande (MS), o sequestro de Luís Cláudio Lula da Silva, um dos filhos do ex-presidente Lula.
Discutido entre dezembro de 2007 e agosto de 2008, o sequestro foi evitado pela PF, mas os supostos envolvidos, incluindo Beira-Mar, respondem a uma ação penal na Justiça Federal em Mato Grosso do Sul sob acusação de formação de quadrilha em razão da tentativa.
As investigações da PF em 2008 indicam que o traficante pretendia negociar sua liberdade e a de outros presos -entre eles Marcos Hebas Camacho, o Marcola, chefe da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital), de São Paulo- em troca da soltura do filho de Lula.
Beira-Mar estaria contrariado com a prisão de sua ex-mulher, em 2007, e com a segurança no presídio.
A trama começou a ser investigada a partir de denúncia do traficante colombiano Juan Carlos Abadia, em janeiro de 2008.
Na época, Abadia estava no presídio de Campo Grande, assim como Beira-Mar.
O traficante colombiano revelou o plano de sequestro à direção da penitenciária. Contou que Beira-Mar já tinha cerca de 200 fotos da rotina de Luís Cláudio.
Abadia foi submetido e aprovado no teste conhecido como detector de mentiras.
O colombiano, segundo a polícia, decidiu delatar o antigo companheiro de presídio para negociar a transferência de sua mulher, presa em São Paulo, para outra instituição no mesmo Estado.
A transferência, segundo diz a investigação, não se concretizou. O colombiano então parou de passar informações. Em 2008, foi extraditado para os EUA....

Mais em : http://www1.folha.uol.com.br/fsp/poder/po0401201121.htm

Como questionei ontem, estão deixando o estagiário do estagiário selecionar as matérias também nos jornais?

Todos em férias? Falta matéria nas redações ou a saida de Lula deixou órfãos?

Nenhum voto

Postar novo Comentário

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.
CAPTCHA de imagem
Digite os caracteres exibidos na imagem acima.