BRASILEIROS ONDE ANDAM VOCÊS?

Desde 2013 um onda verde-amarela invadiu nossas ruas por mais do que alguns centavos. A primeira impressão era que uma "primavera brasileira" despontava para libertar o país de vez de tantas ignomínias. Black Blocks, Anonymus, e uma juventude que há tempos não se via gritavam, e alguns mais exaltados até quebravam, pelo que nos parecia mais democracia, mais ética na política, mais direitos e bem-estar social, mais qualidade de vida, e sobretudo, pelo "fim da corrupção". 
O fato foi extraordinário e é inegável que mexeu com as estruturas da nação. 
O que logo não se entendeu foi o rumo que tamanho movimento se enveredou. O que se viu era que não haviam rumos definidos e no lugar da bendita indignação, que parecia unificado o país, o que brotou foi um maligno ódio, que nos partiu ao meio, e logo despertou um fascismo que nos conduziu muito rapidamente para as trevas.
As eleições de 2014 foi o estopim da cizânia e conservadores e fascistas montaram um esquema midiático e um bloqueio parlamentar, com locaute de setores empresariais, que levaram a paralisia do governo reeleito e a crise, que já se instara no mundo há tempos, aportar em nossas terras.
O Brasil estancou seu ciclo virtuoso, e de nada adiantava o governo de Dilma e seus aliados reafirmarem as conquistas históricas que o povo havia conquistado em pouco mais de uma década. Programas sociais, milhões que saíram da pobreza, uma década de quase pleno emprego, autonomia e soberania do Brasil alcançada e respeitada no exterior nunca antes vistas nos nossos 500 anos de vida.
A República estava em xeque. A primavera havia se transformado num outono frio e ao som de panelas setores conspiravam contra nossa tenra democracia, aviltavam o estado de direito, passavam a pregar abertamente o arbítrio e o estado de exceção. Claro que o governo e seus aliados tentavam reagir, mas muito difícil sobrepor-se a uma mídia oligopolizada que no dia a dia estimulava ainda mais ódio, medo, divisões entre brasileiros, que se de vermelho vestissem não eram mais que militantes, e os bem nascidos de verde-amarelo, com suas caçarolas a alto timbre, sustentando o cínico e hipócrita discurso do combate a corrupção. O mar de lama que não poderia mais ser tolerado. Só que a lama era seletiva e o mar apinhado de tubarões a espreita de abocanharem o país.
O golpe estava dado. Afastou-se a presidenta eleita e todo o seu Staff. O impedimento foi consumado por Deus, pela Família, pelos Filhos, pelas Esposas ou Maridos, pelos gatos, cachorros e papagaios... Não precisamos descrever a cena dantesca que vimos via satélite da Câmara dos Deputados, naquele malogrado 17 de abril.
E agora brasileiros? Caçarolas emudeceram e uma verdadeira quadrilha se apossou do governo da nação. Bandidos que se travestiram de justiceiros e enganaram incautos e agora caem um a um, como frutos podres de um árvore daninha. 
E agora brasileiros? O Brasil desmoralizado pelo mundo inteiro e a corrupção parece que tomou de vez o poder.
E agora intrépidos brasileiros. Onde andam vocês?

Média: 1 (1 vote)

Postar novo Comentário

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.
CAPTCHA de imagem
Digite os caracteres exibidos na imagem acima.