Re: TJSP confirma direito de resposta de Nassif contra Veja

imagem de anarquista sério
anarquista sério

 


Direito de resposta é uma coisa complicada.Por isso que em meados dos anos 50,não se chama mais de assassino uma pessoa que matou antes de ser julgada.Diz-se: suposto assassino.


     Até nos documentários da televisão de pessoas COMPROVADAMENTE culpadas e confessas, há um cuidado de dizer: ''Aguarda julgamento e é ''inocente'' até que se prove o contrário.


         Só um de milhares de casos.Todo mundo sabe que Maluf rouba. Está até sendo procurado pela INterpol.


      Mas ele nunca foi condenado pela última instância brasileira.Então, tbm merece direito de resposta?


         Todo santo dia leio insinuações sobre políticos corruptos nos jornais,na TV e nas revistas.


        Nem julgados foram.


        Tbm merecem direito de resposta?


          Se REnam Calheiros quisesse direito de resposta,passaria os 2 anos de seu mandato só respondendo.


           Dirão alguns: Mas esta pessoa é ilibada. E seria essa a régua pra medir quem têm o direito de resposta ou não? Como dizia minha avó: 'Todo mundo é honesto até o dia que deixa de ser''


          A honestidade não é definitiva.Basta um ato,mesmo no fim da vida, pra apaga-la. Assim como um assassinato: Vc pode nunca ter pego numa arma.Mas se aos trocentos anos matar alguém irá preso.


        Evidente que a pena será menor pra quem tem bons antecedentes.Mas mesmo assim vai em cana- muito provavelmente com uma pena menor do que um assassino contumaz.Mas vai em cana assim mesmo.


         Por isso que o direito de resposta é muito subjetivo.


          Por que?


        Porque se a revista Veja me chamasse de assassino, nem eu ,meus familiares e amigos não acreditaria.Aliás,até tirariamos sarro e possivelmente exploraria a''propaganda''.


           Então,direito de resposta além de não significar nada, muito menos livra da culpa que alguém imputou em nós. A dúvida pra quem não nos conhece permanecerá mesmo com resposta.


         Mas quem conhece nossas atitudes e caráter ao longo da vida, nem lerá o tão ansiado ''direito de resposta''.


            Direito de resposta pra analfabetos e surdos?


           Com uns 40 anos de profissão nosso conceito está formado.Com resposta ou não,não muda absolutamente NADA.